Terça, 17 de junho de 2014


Atualizado diariamente até o meio dia.
Eventualmente, a tarde, alguma notícia urgente.




ponto do dia


NO EMBALO DA COPA

Gil Kurtz*

A bola rola na Copa 2014 e estamos assistindo de tudo. No capítulo de realizações publicas, é um festival de incompetências. Obras inacabadas. Dos 12 aeroportos, das cidades-sede, vários não estão prontos. Jornalistas experientes, que já cobriram muitas Copas, repetem à exaustão: a nossa será uma das piores no capítulo organização. E eles não comparam com as que aconteceram na Alemanha ou nos Estados Unidos. Eles referem-se à última. Na África.
Bom você já está cansando de ler, ver e ouvir essa dura realidade que deve servir, entre outras coisas,para que façamos uma profunda reflexão de o quanto o nosso país , melhor dizendo nossos dirigentes, precisam desenvolver competências nas áreas de planejamento e gestão. No mínimo.
Essa é uma das faces da Copa. Certamente não é motivo de muito orgulho.
A outra merece registro pois faz um contraponto de qualidade ao que cito acima.
Refiro-me a turma do marketing de grandes anunciantes, pessoal de agências e veículos de comunicação que estão dando um show. Campanhas e ações inteligentes e agressivas estão goleando o time dos gestores públicos.
Inteligência e alta competitividade das marcas fazem uma outra competição.
Uma verdadeira guerra de marcas. Da bola do jogo, no campo, no entorno e muito mais. São 20 patrocinadores da Fifa. Marcas internacionais relevantes, assim como várias nacionais.
Estamos falando de uma Copa paralela de grandes marcas. Nike X Adidas, Coca-Cola e Guaraná Antártica, Sony e Samsung, Oi contra Vivo, Hyundai versus Volkswagen. Esse outro torneio, que já começou faz tempo , movimentará cifras relevantes. O investimento publicitário , projetado para o meio TV, é de US$ 2,9 bilhões sem contar os US$ 3,5 bilhões que a Fifa já arrecadou por direitos de exploração e patrocínios.
Além disso, teremos inúmeras ações promocionais surfando na temática desse grande evento mundial.
A Coca-Cola, patrocinadora mais antiga da Copa do Mundo desde 1974, lançou as mini garrafas colecionáveis que foram um sucesso no anos 80. Elas voltaram repaginadas em embalagem de alumínio, fazendo parte de uma estratégia de ativação da fabricante no período da Copa. Para termos uma ideia do tamanho do investimento da marca no país no período de 2012 a 2016 , ela é R$ 14 bilhões. Este é o maior investimento da história da empresa no pais nos seus 70 anos de Brasil.
Esses poucos exemplos , de tantos que poderiam ser citados , são uma demonstração viva da competência das organizações que trabalham com ferramentas contemporâneas de gestão de marketing somadas a times de profissionais craques no que fazem.
Saindo do macro, considero indispensável fazer a reflexão local. A pergunta é : o quanto nossa capital, estado e empresas fizeram de relevante aproveitando o embalo da copa ?
Na minha opinião, não temos muito o que comemorar no capítulo de ações de marketing e construção do espírito Copa. A sensação é que fomos dragados pela minoria anti-copa. Não fizemos nem o básico. Nossas ruas estão mornas, os espaços públicos nus. Restaurantes e locais de entretenimento com quase nada. Até aquilo que é mais primário, tipo um banner-receptivo, quase não existe, com raras e honrosas exceções. Sei, vamos acreditar que em 15 dias surgirão ações sensacionais, a cidade, mediunicamente, incorporará o espírito do evento e nos transformaremos numa outra cidade num outro estado.
Ou seja, muitos deram um show embalados pela temática. Nós aqui vamos provar , mais uma vez , que a tese da acomodação faz sentido. Não percamos a esperança. Talvez daqui há 50 anos tenhamos outra Copa.

* Publicitário, Diretor da Agência Vossa. Texto publicado hoje no Jornal do Comércio, de Porto Alegre.


* * * * *


ponto da fotografia


Poderiam estar também no "ponto da piadinha".
As fotos, do Jorge Coxta, foram feitas no domingo passado, dia 15, na Cidade Baixa. O "protesto" dos blequi bloquis. Ridículo, não?









* * * * *


ponto radiofônico


MICO DO MÊS - Já está eleito, o MICO DE JUNHO!! A "iniciativa do senhor Cyro Martins, o plenipotenciário da Rádio Gaúcha. Um mico daqueles gordos, parrudos, que ninguém consegue chegar perto. Ora, meu Deus, o cara ter a pretensão de assinar uma "notificação extra-judicial"!! Hahahaha!!!
--
RECORDE - Aliás, post de ontem - Segunda, 16 de junho de 2014 - parte 2 - bateu todos os recordes de leitura dos últimos tempos.
--
PEQUENO DETALHE - O senhor Cyro Martins não é diretor da Rádio Gaúcha. É gerente.
Só se foi promovido há pouco.
--
APRESSADINHO NA LEITURA - Recebi ontem um comentário do meu amigo, o apresentador da Band João Garcia: "Gozado, o rádio tem a Band, em rede, a maior do Brasil, e recomendas os comentários da Guaíba e da GRENAL. Afinal onde está tua isenção, deu pra ti, não te leio mais és faccioso."
Aí respondi, no mesmo tom para o JG, meu amigo desde a década de 90: "Se tivesse lido a nota em questão saberias que em nenhum momento "recomendo os comentários da Guaíba e da Grenal". Não tinha razão para eu citar a Band ou qualquer outra rádio, porque a bronca é da Gaúcha e a Guaíba. Apenas tratei da bronca do pleni com o Nando. A Grenal foi citada apenas como exemplo, pois não recebeu notificação.
Pena perder um leitor que lê muito rápido - ou interpreta da forma que lhe convém. "
--
COMO FARÃO? - Quero conferir o que o Nando Gross e equipe farão hoje, na Rádio Guaíba, durante o jogo do Brasil com o México. Certamente será a maior audiência na Rádio Gaúcha. Pelo comercial que ouvi hoje de manhã, uma baita equipe estará "em campo".


* * * * *


ponto g


SENADOR - Tô na torcida pela candidatura do Romário ao Senado. Pelo Rio. Ao contrário do que acha a "intelligentsia" do bananão, Romário foi um baita deputado federal.
Pra governador não dá pra torcer. Só marca-diabo.
--
MUITO LEGAL!! - Nos dedos do sabe-tudo. Não é à toa que o sabichão é o ídolo do Juremir Machado da Silva.


Miguel Nicolelis é acadêmico, médico e neurocientista; É coordenador do Projeto Andar de Novo. Foi considerado um dos 20 maiores cientistas do mundo no começo da década passada, segundo a revista "Scientific American".
Pesquisa próteses neurais para a reabilitação de pacientes que sofrem de paralisia corporal; ou seja, paralíticos andam, como aconteceu com aquele cara na "festa" de abertura da Copa.
E o engraçadinho do Diogo Mainardi foi se meter com ele.
E há anos eu gostava desse sujeitinho...
--
AÇORIANOS - Uma das realizações mais aguardadas do mercado editorial porto-alegrense, o Prêmio Açorianos de Literatura já está com inscrições abertas para a sua 21ª edição. Até o dia 25 de julho, escritores, artistas gráficos, produtores culturais e editores podem concorrer com obras em primeira edição desde janeiro de 2013, assinadas por autores nascidos ou residentes em Porto Alegre, bem como publicadas por editoras sediadas na Capital gaúcha, desde que não tenham participado do concurso anterior.
As categorias são Conto, Crônica, Ensaio de Literatura e Humanidades, Especial, Infantil, Infanto-Juvenil, Poesia, Narrativa Longa (ficção, romance ou novela), Capa e Projeto Gráfico. Os vencedores de cada categoria recebem o tradicional troféu e concorrem a LIVRO DO ANO, com prêmio de R$ 10 mil.
O Prêmio Açorianos de Literatura é uma realização da Secretaria Municipal da Cultura de Porto Alegre, por meio da Coordenação do Livro e Literatura (CLL).
-
Edital e Ficha de Inscrição
www.portoalegre.rs.gov.br/smc (link “Editais”)
coordenacaodolivro.blogspot.com
Informações e inscrições:
Coordenação do Livro e Literatura / SMC
Av. Erico Verissimo 307 (próximo à Ipiranga)
(51) 3289-8072 e 3289-8071
--
TE METE - Bienal de São Paulo terá recorde de artistas travestis e transexuais.
-- 
CONFIRAM - Bah, não deixem de conferir o Blog do Jefferson Bernardes e cia, da Preview. SENSACIONAL!! Vai!! No http://blog.agenciapreview.com/


* * * * *


ponto da polêmica


QUEDA - O presidente da Famurs, Valdir Andres, está frustrado com a arrecadação do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) este ano. A estimativa do Setor de Receitas da Famurs mostra que os municípios do RS já deixaram de receber R$ 208 milhões do governo federal no primeiro semestre deste ano. O cenário agrava a situação financeira das prefeituras gaúchas em 2014. “A queda de recursos compromete os investimentos em saúde, educação e outras áreas carentes”, afirma Andres.
O montante de R$ 208 milhões corresponde à diferença entre a receita estimada pelo governo federal e o valor transferido às prefeituras gaúchas entre janeiro e junho deste ano. Conforme dados do governo federal, existia uma previsão de crescimento de 8% do FPM em relação a 2013, que consolidaria um repasse de R$ 2,241 bilhões para 2014. No ano passado, os municípios receberam R$ 2,075 bilhões de FPM. Entretanto, essa estimativa não se confirmou e a arrecadação das prefeituras gaúchas deve fechar o semestre em R$ 2,032 bilhões: queda de 2% em relação ao ano passado.
--
QUEDA 2 - De acordo com a assessora técnica da Área de Receitas Municipais da Famurs, Cinara Ritter, o déficit é decorrente do fraco desempenho da economia e da baixa arrecadação federal. Ao contrário do que se previa, a Copa do Mundo não está sendo capaz de salvar a economia nacional da estagnação. “É mais um ano de estagnação. A arrecadação do Imposto de Renda e do IPI não cresceu e afetou o FPM, que é a principal fonte de receita dos municípios”, lamenta Cinara. “Além de estancar os investimentos, a queda ameaça o fechamento das contas dos prefeitos no final do ano”, alerta a assessora.
Até o final do ano está previsto um repasse de R$ 5,8 bilhões de FPM às prefeituras gaúchas. Contudo, apenas 44% desse valor terá sido transferido até o final de junho. Desde abril, o Fundo acumula três sucessivas quedas em comparação à 2013. Redução de 15,7% em abril, de 21,8% em maio e de 21,3% em junho.


* * * * *


ponto da perguntinha


Não vão organizar uma visita, com os jornalistas estrangeiros, aos principais pontos turísticos de Porto Alegre?
Quais? Ora, meu Deus, ao Belvedere do Morro de Santa Teresa e/ou percorrer o "mágico" Caminhos Rurais, com passagem obrigatória pela Edgar Pires de Castro.
Este...



...ou este outro!



Não deixe de conferir o "ponto da piadinha"!!


* * * * *


ponto da copa


NÃO DEIXE DE LER - Sensacional o texto do Gil Kurtz, no "ponto do dia" de hoje. Um puxão de orelhas legal em todos nós.
Em tempo: na sacada do nosso apartamento, tremula uma bandeira do Brasil!!
--
NINGUÉM AGUENTA O GALVÃO - Os jogadores e toda a "comissão técnica" assistem os jogos da Copa, sintonizados na Band. Isso que a Globo é a emissora oficial!!
--
NA REAL - No Brasil, apenas a FIFA não paga impostos. Ah, eu quero impostos padrão FIFA!!!!
--
CHUTEIRAS - Coisa mais gay: uma rosa e outra azul clarinha. PELAMORDEDEUS!!
Não combina com jogador de futebol.
--
A RAZÃO DO FIASCO - O jornalista Robson Barenho mata a charada: "Esclarecida, enfim, a falta de forças do time uruguaio que perdeu de 3 a 1 pra Costa Rica: a turma ficou sem doce de leite. As autoridades sanitárias brasileiras confiscaram 40 quilos do dulce de leche quando a delegação uruguaia desembarcou em Minas Gerais. Impuseram assim a los orientales uma carência gravíssima de Conaprole - um dos doces de leite mais deliciosos do planeta. Mantido o confisco, sem dúvida o Uruguay sairá da Copa logo na primeira fase."


* * * * *


ponto da piadinha




HAHAHAHAHAHA!!!!!! BOA PIADINHA!!!


* * * * *


ponto final


Desabo, a cada dia, no bolão da Copa. Acontece que não consigo apostar em seleções de países que não gosto. Por exemplo, não suporto a cara daqueles jogadores da Alemanha, tudo com caras sérias, mesmo quando fazem gol. Fingem que dão uma risadinha. Ridículos. E a Inglaterra? Os jogadores têm cara de neblina! Fog!! Todos dão risadas dos meus prognósticos. Até agora não acertei nada!!
--
Sei lá, pode ser efeito dessa gripe que não quer me largar...


4 comentários:

  1. Pitacos:

    1 - Se entendi direito (se estiver errado, já peço desculpas antecipadamente), mas o sr. Gil Kurtz, culpa a falta de maiores ações de marketing por parte de Porto Alegre por causa da 'minoria anti-Copa', vulgo manifestantes black blocks?! Olha, tenho tudo contra esses daí que já identifiquei num post aqui de aborrescentes da classe média, mas também é uma tremenda duma injustiça esconder a incompetência dos marqueteiros/publicitários gaudérios atrás dos bléquiblóquis - meia dúzia de usuários de Acnase vestidos de preto em dia de jogos do Brasil e, no máximo, uma dúzia quando não é jogo do Brasil...em outras palavras, eleger esses pseudo-revoltados juvenis como bode expiatório é não assumir a incompetência da categoria...o que não é nenhum demérito, visto que o país como um todo não se preparou adequadamente pra Copa, a não ser o representante do país que tratou com o árbitro japonês da nossa primeira partida...esse sim, show de eficiência...

    2 - Sobre o bate-boca entre o Nicolelis contra o Mainardi e o Reinaldo Azevedo, todos os três engajados politica-partidariamente de forma mocoseada: Acho que só no futuro a médio prazo, teremos uma melhor visão do quão prejudicial será pra vários dos campos de atuações profissionais (especialmente a ciência), a inoculação desta polarização político-partidária, em campos que deveriam ser naturalmente blindadas em nome até dos interesses da nação. Mas, em se tratando de Brasil...

    3 - O quê?! O Brasil confiscou o doce de leite dos uruguaios, mas deixou passar os 200 kg de bacalhau dos portugueses?! ESCÂNDALO! Sem falar na água mineral e nos preservativos que os americanos trouxeram!!! Se o Mugica não cortar as relações diplomáticas com o Brasil, o Uruguai estará passando atestado de republiqueta bananosa!

    3 - Sobre a reforma do Mirante: Prévidi, vou te contar como foi o meu dia ontem e te desafio a me chamar de mentiroso, se fores capaz: Peguei o metrô ali na frente do Teatro do SESI, na Assis Brasil. Desci na Estação Final, no Centro, ali na esquina da Borges com a Rua da Praia, e antes de me decidir a pegar uma das linhas do BRT até o Mirante, resolvi ir almoçar ali no Cais do Porto reformado (Armazém A - uma be-le-za como ficou depois da reforma...a marina pública então! Tinha sueco dizendo que funcionava melhor que o da cidade dele, Helsingborg)...não preciso dizer que tava lotado de estrangeiros por causa da Copa! Também é desnecessário dizer que o Mirante também tava parecendo o pátio do prédio da ONU! Era estrangeiro pendurado até na mureta, embasbacados com a beleza do local! Ouvia-se tudo que era idioma ali, inclusive o português, kkkkkkk...um show! E ainda tem gente reclamando que nossa capital não soube explorar 'publicitariamente' a Copa. Só pode ser mais um desses caranguejos que o teu amigo Túlio Milman tanto desanca na ZH!!!!

    4 - Por falar em caranguejos...devem estar em êxtase depois da crítica de um jogador da França por não ter tido os hinos...parece que o culpado foi algum cabo do Beira-Rio...um cabo!...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Genial o terceiro pitaco. E aí eu pergunto: por que esse cara não assina?
      Sei, aí seus amiguinhos vão dizer: No Prévidi?????
      Hahahahaha!!!!!

      Excluir
  2. Tem emissora de rádio que quer ganhar audiência na marra, Prévidi. E não estou falando da Gaúcha, que já tem audiência suficiente, nem da Guaíba. Falo de outras por aí, que conseguem perder até para a Grenal, que tem meia dúzia de caras e, mesmo assim, faz uma ótima transmissão.

    ResponderExcluir
  3. Previde
    Apenas para ilustrá-lo. Qualquer cidadão, com CPF e residência fixa pode assinar qualquer demanda extra judicial. Por ser extra judicial não demanda a necessidade de um advogado. Caso contrário seria uma demanda judicial. Esta sim o requer.
    Obviamente isto não diminui a arrogância do Gerentinho Cyro que iniciou o "controle da mídia" nas rádios, imagino a revelia do Doutor Nelson, defensor da liberdade de imprensa na ANJ e do Doutor Jayme na WAN..

    ResponderExcluir