Sexta, 21 de novembro de 2014 - parte 3



Atualizado diariamente até o meio dia.
Eventualmente, a tarde, notícias urgentes.







ponto midiático especial



INAUGURADO O ESTÚDIO "MILIONÁRIO",
RÁDIO GAÚCHA DEMITE MAIS UM REPÓRTER



Emanuel Soares era um repórter prestigiado na rádio CBN de Florianópolis.
Pleni, o idiota, insistiu para ele vir para a Rádio Gaúcha. Prometeu mundos e fundos.
Como a família do Emanuel é daqui, topou.
Resultado? Não durou dois anos.
Foi demitido, justamente pelo pleni, o idiota, hoje à tarde.

-

A propósito do novo estúdio "milionário".
Os puxa-sacos estão deslumbrados! Falam da visão panorâmica, tentando compará-lo ao Estúdio Cristal da Rádio Guaíba, que fica na esquina da Rua da Praia com Caldas Júnior (térreo). Quem está no "panorâmico" da Gaúcha aprecia uma visão deslumbrante: UM POSTO DE GASOLINA!
Outra: sugerem que as pessoas ao passarem pela frente da ex-poderosa vejam o "milionário". Só que o vidro do dito é preto, com aquela película, não se enxerga absolutamente nada!
Ridículos!

-

A DESPEDIDA ELEGANTE DO EMANUEL:

Hoje fui desligado da empresa! Encarei com tranquilidade, já que sei da situação que a empresa vive. Entretanto, saio feliz por saber que deixo a Gaúcha em alta cotação com as chefias, segundo o Scola! Não fiquem achando que estou triste, ao contrário! Estou muito feliz no fechamento de um ciclo de agradecimento, aprendizado e acima de tudo convivência com pessoas bacanas que levarei para sempre no coração. Como disse ao Scola na hora do desligamento, espero ter portas abertas sempre! Pra falar a verdade, meus planos foram antecipados em algumas semanas, já que pretendia deixar a convivência de vocês em fevereiro. Tenho só 23 anos e me dedicarei ao término do meu curso universitário no início de 2015 e um projeto antigo do meu pai, onde vou auxiliá-lo. Sei que quando alguém é mandado embora fica um clima ruim, mas repito: não fiquem tristes, já que estou feliz!! Vocês conhecem o meu jeitão! Voltarei pra Floripa e espero vocês na praia! Me considerem um amigo. Continuarei sendo feliz, sempre!

emanuelramon@gmail.com


Muito obrigado por tudo,

EMANUEL SOARES
Repórter da Rádio Gaúcha
• www.radiogaucha.com.br

5 comentários:

  1. Realmente, que elegância e grandeza demonstradas pelo Emanuel. Coisa para poucos. Certamente, em seu novo caminho terá, como companhia permanente, o êxito e a realização profissional. Éverton Severo Maciel, Santa Maria-RS

    ResponderExcluir
  2. Não achei elegante. Pelo contrário: a carta é de um puxassaquismo que beira o indecente. Parece mais que ele sonha em voltar um dia e quer deixar todos os egos devidamente massageados

    ResponderExcluir
  3. Se a RBS falir tu vai sofrer da síndrome de Estocolmo... hehehhe
    Só uma sacanagem espirituosa. Não me leve a mal, por favor.
    Sou leitor assíduo.
    Abraço

    ResponderExcluir
  4. A RB$ (Rede Bunda Suja) não irá falir, mas vai encolher e ficar murchinha para a satisfação de muitos, dentre os quais estou incluído. No veraneio que se avizinha não mais precisarei suportar noites infernais com o PLANETA DA FUMAÇA, pois hoje habito um pouco mais ao sul e o barulho infernal que aquela coisa provoca não chega aqui. A polícia de quarteirão que exigiu que a Prefeitura fechasse bares na cidade baixa para assim não precisar vara as madrugadas policiando aquela área, como sempre mandará cerca de MIL de seus guardas para servir à RB$ quando o inferno for instalado em Atlântida. O cidadão não dispõe de policiamento, mas a RB$ tem sempre e tantos quantos quiser. Será que paga pelo serviço? Essa polícia sem vergonha que não preservou o Instituto Geral de Perícias quando das badernas sempre correu para cuidar da RB$. Qual o interesse dessas duas empresas?

    ResponderExcluir
  5. Previdi, nunca vi as pessoas torcerem para que uma empresa quebre.Imagina
    quantas pessoas desempregadas?
    Ou será que esses que torcem pensam que os controladores vão ficar pelados?
    Emanuel, foi uma pessoa sensata e agradecida,agora dizer que agradecer e ser puxa saco é demais.
    As vezes penso que esses que tem essa raiva toda tem dois motivos:
    1-Sempre quiseram trabalhar lá e não conseguiram.
    2-Foram demitidos e tentaram voltar e.não deu.
    Só pode!

    ResponderExcluir