Segunda, 11 de agosto de 2014 - parte 2


Atualizado diariamente até o meio dia.
Eventualmente, a tarde, notícias urgentes.







ANIMAIS NÃO AGIRIAM ASSIM



Torcida do Grêmio canta no Beira-Rio (Foto: Diego Guichard)


Não levei a sério, pensei que fosse uma brincadeira de péssimo gosto.
Ora, meu Deus, "cantar" a "morte do Fernandão" em pleno Beira-Rio, como se fosse um "canto de guerra"?
Escutei isso, um comentáqrio, no programa Guaíba Cidades, do Felipe Vieira, hoje de manhã. Sério, pensei que fosse um exagero, até porque sei que o apresentador e o ex-jogador do Colorado eram bons amigos. Definitivamente não podia ser verdade.
Aí, depois de colocar o Blog no ar, fui ao Goggle.
E lá está uma série de notícias sobre o que aconteceu ontem, antes de começar o Gre-Nal.
No goboesporte.globo.com está lá:

Nem mesmo a morte é capaz de sensibilizar alguns torcedores. Durante o Gre-Nal deste domingo no Beira-Rio, um grupo de gremistas ironizou a tragédia que tirou a vida de Fernandão, um dos maiores ídolos da história do Inter. O ex-atacante morreu em no dia 7 de junho em um acidente de helicóptero em Goiás.
-
E soube que em vários momentos, antes do jogo, até mesmo na entrada, a "torcida" cantou isto.
Não, por favor, não vamos chamar isso de animais. Qualquer animal é mais sensível - até mesmo as amebas, não?
-
No YouTube, apalermado, assisti:






9 comentários:

  1. Prezado Previdi, gosto de seru blog, porém tem coisas.... quando o Dener do Grêmio morreu num acidente de carro a torcida do Inter levou cintos de segurança ao estádio para provocar os gremistas, a torcida do Inter quebrou 191 cadeiras na Arena e a do Gremio quebrou 25 no Beira Rio, ou seja, animal tem em tudo que é lugar.

    ResponderExcluir
  2. Éverton Severo Maciel11 de agosto de 2014 15:46

    Não encontro um adjetivo para classificar isso. De fato, já chegamos ao fundo do poço moral, da insensibilidade,l da irracionalidade.

    ResponderExcluir
  3. Sr. Anônimo, não é porque os radicais islâmicos matam, estupram e roubam que eu posso fazer o mesmo. Se (a confirmar) ironizaram o Dener lá no século passado, isso não justifica tamanha insensibilidade e falta de escrúpulo no presente.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Prezado Gaucho, leia com atenção a postagem, eu não justifiquei nada, apenas disse que animal tem em todo lugar.

      Excluir
  4. Sou Gremista e não admito que estes vândalos sejam chamados de "torcedores". Trata-se de uma ralé nojenta, rasteira e asquerosa que está afastando os torcedores dos estádios. É triste, patético!!!!

    ResponderExcluir
  5. Descobro por que a ZH Digital tem tantos cliques. A metade é de cliques CORRIGIR.

    ResponderExcluir
  6. impressionante como tem gente que ainda defende o time mesmo os caras sendo toscos e tendo este tipo de atitude, agora se um come merda o outro também tem que comer??
    Esse grenalismo é que atrapalha o crescimento do estado, pois não conseguem separar as coisas, ou se é do bem ou se é do mal.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade. São seis Copas do Brasil, cinco Brasileiros, um Super Campeonato Brasileiro (o único), uma Sul Americana, três Recopas, quatro Libertadores e dois Mundiais.
      Se não tem o "grenalismo", ninguém mais ganhava porcaria nenhuma nesse país...

      -x-x-x-x-

      Como é que o ser humano não PENSA antes de dizer asneira?..

      Excluir
    2. Se você leu o paragrafo de baixo, você poderia notar que não estou falando de grenalismo do futebol, e sim do grenalismo das ideias de achar que tudo e todas as ideias precisam ser contrariadas. Você só pensa em futebol???

      Excluir