Quinta, 20 de janeiro de 2022

 



SOU QUEM SOU.
TUA APROVAÇÃO NÃO É NECESSÁRIA.
...

ANDO DEVAGAR
PORQUE JÁ TIVE PRESSA







Escreva apenas para


COMENTÁRIOS: Todos podem fazer críticas, a mim, a qualquer pessoa ou instituição. Desde que eu tenha alguma informação do crítico - nome, telefone, cpf - ou seja, dados. Claro que existem pessoas que conheço e que não necessito dessas informações. MAS NÃO PUBLICO CRÍTICAS FEROZES. 
E não esqueça: mesmo os "comentaristas anônimos" podem ser identificados pelo IP sempre que assim for necessário. Cada um é responsável pelo que escreve.




EXISTE UM PROTOCOLO PARA
REPÓRTERES DE TV E RÁDIO? - 2



Na terça, dia 18, tratei informalmente de algumas regras - hoje se diz protocolos - para repórteres, especialmente de TV. Estes têm que se vestir formalmente, sem excesso de maquiagem e os cabelos com cores "normais". E sem crucifixo tatuado na testa.

Conversei a respeito com o Antonio Sacomory, que sabe tudo de vídeo, e ele discorda da tatuagem - não vê problema. Eu apenas acredito que o repórter de TV não pode ser mais importante do que a notícia. Simples.

Sacomory também ressalta que o repórter de TV tem que ter uma voz "normal". Segundo ele, não pode parecer um duplador de desenho animado. O repórter pode ser ótimo, mas se a voz não ajuda...

O Cláudio Moretto, que trabalhou a vida toda em rádios de Porto Alegre, nos conta uma muito boa:

 Lembro que um estagiário, um promissor jornalista como acabou sendo, foi aprovado nos testes. Ao ser apresentado ao então gerente operacional de jornalismo da Rádio Gaúcha, Marcos Antônio Baggio, parecia não ter sido bem recebido . Demos as primeiras e fáceis tarefas. No segundo dia  Luciano Klöckner foi chamado pelo gerente que sentenciou. "Ou ele tira aquele brinco da orelha, ou não trabalha aqui." O Luciano sem saber como fazer veio falar comigo. Afinal, tínhamos a mesma função só que em horários diferentes. Fomos juntos falar com o Baggio. Recebemos como argumento que aquela não era a imagem da Gaúcha . Se este cara for falar com o presidente da Fiergs, com o governador, com o presidente da AL como fica a imagem da Gaúcha? Saímos dali e fomos falar com o estagiário. No dia seguinte, chegou sem brinco, cumpriu o estágio, foi contratado como repórter, fez uma das mais perigosas coberturas policiais de Porto Alegre (fuga do Presídio Central), arriscou a própria vida e hoje é Diego Casagrande.


XXXXXXXXXXXXXXX


- SUCESSO NA COMUNICAÇÃO -


Independente do trabalho legislativo e das atividades diárias, Bibo Nunes está oferecendo o curso "Sucesso na Comunicação" -PERCA O MEDO DE FALAR EM PÚBLICO.

O objetivo do curso é fazer as pessoas usarem o poder da oratória, através de 57 aulas exclusivas (com ebook do curso e acesso ao fórum de alunos).

Bibo Nunes irá mostrar a essência da comunicação para vender suas ideias e encantar com maestria. Você nunca mais terá medo de fazer uma apresentação ou de lidar com o público.

O curso é para estudantes, profissionais liberais, empreendedores, artistas, empresários e políticos; líderes que desejam aumentar o seu poder de influência e persuasão;
profissionais que desejam ser mais confiantes e respeitados pela sua equipe; pessoas que querem crescer na carreira, atingir maiores cargos e posições mais altas do mercado.

Conheça os 9 módulos em https://www.bibonunes.com.br/sucesso-na-comunicacao.

Inscrições pelo https://pay.hotmart.com/K58406923H?checkoutMode=10&bid=1638900367297 


XXXXXXXXXXXXXXX


ISSO É MUITO CANALHA!! SUSPEITA??!!
E ACHA QUE FAZ JORNALISMO!!

-


POR FALAR EM JORNALISMO CANALHA

(clica em cima que amplia)



-


PENSANDO BEM

Eu olho, analiso e pesquiso. Pego mais dados, pesquisas e possibilidades. Uso lógicas com dogmas. De novo olho e pesquiso. Tento tudo mais vezes e SEMPRE dá Bolsonaro 2022.

Bibo Nunes, deputado federal


-


VAI MELHORAR - Alexandre Frota desistiu de concorrer a reeleição de deputado federal.


-


MODINHA -
Moderninhos, agora, inventaram que não existe "racismo reverso" - ou seja, não existe preto que odeia brancos.


-


O DESSERVIÇO DO STF -
Acreditem, um partido chamado Rede tem UMA deputada federal. Uma deputada entre 513. E sempre está no stf contra o Governo federal:



-

LEMBRAM DA SIMONE IGLESIAS? - Isso, foi repórter do Correio do Povo (política). Hoje? "Bloomberg LatAm News reporter in Brasilia".
Te mete!!


-


REFLEXÃO

Canalha é quem roubou o povo brasileiro durante anos e quem usou nosso dinheiro pra financiar ditaduras.

Sérgio Moro define Lula.


-


TRISTE FIM DE CARREIRA - O ex-prefeito de Porto Alegre, José Fortunati, vai ser o "poderoso" de um partido chamado União Brasil.
Vem a ser o ajuntamento do que sobrar do PSL e Dem.



-


AZAR - Faustão está novamente com o bicho chinês. E aquela alemoa cumprida, que divide a apresentação com ele, também está enfrentando o bicho.


-


VEÍCULOS CONTRA OS GOVERNOS - Estão louquinhos para que prefeitos e governadores fechem tudo de novo. E os urubus do stf estão a postos para decidirem o futuro dos brasileiros. ARGH!!!
Olha essa:


-

PIADINHA

CÃO IXPERTO


Quarta, 19 de janeiro de 2022

 



SOU QUEM SOU.
TUA APROVAÇÃO NÃO É NECESSÁRIA.
...

ANDO DEVAGAR
PORQUE JÁ TIVE PRESSA







Escreva apenas para


COMENTÁRIOS: Todos podem fazer críticas, a mim, a qualquer pessoa ou instituição. Desde que eu tenha alguma informação do crítico - nome, telefone, cpf - ou seja, dados. Claro que existem pessoas que conheço e que não necessito dessas informações. MAS NÃO PUBLICO CRÍTICAS FEROZES. 
E não esqueça: mesmo os "comentaristas anônimos" podem ser identificados pelo IP sempre que assim for necessário. Cada um é responsável pelo que escreve.




ESTAMOS HÁ 40 ANOS SEM
A MAIOR CANTORA DO BRASIL

Sua cidade natal, há quatro décadas,
não se dispôs ainda a homenageá-la





especial

Nesta quarta, uma cesta 
extra de Elis Regina
!

Dois Na Bossa, com Elis e Jair Rodrigues, foi
o primeiro disco a vender um milhão de cópias




Elis Regina (Elis Regina Carvalho Costa)  nasceu em Porto Alegre, em 17 de março de 1945. Esbanjando competência, fez sucesso no Brasil e em vários países, e foi comparada a  Ella Fitzgerald, Sarah Vaughan e Billie Holiday. Com os sucessos de Falso Brilhante (1975-1977) e Transversal do Tempo (1978), Elis Regina inovou os espetáculos musicais.



Foi casada com Ronaldo Bôscoli, com quem teve João Marcello Bôscoli (1970). 


Em 1973, casou-se com o pianista César Camargo Mariano, com quem teve dois filhos: Pedro Camargo Mariano (1975) e Maria Rita Camargo Mariano (1977).


Foi a primeira grande artista a surgir dos festivais de música na década de 1960 e descolava-se da estética da Bossa Nova pelo uso de sua extensão vocal e de sua dramaticidade. Inicialmente, seu estilo era influenciado pelos cantores do rádio, especialmente Ângela Maria.


Depois de quatro LP's gravados e sem grande sucesso — Viva a Brotolândia (1961), Poema de Amor (1962), Elis Regina (1963), O Bem do Amor (1963) — Elis foi a maior revelação do festival da TV Excelsior em 1965, quando cantou "Arrastão" de Vinícius de Moraes e Edu Lobo.


Foi trabalhar na televisão e, pouco tempo depois, o título de primeira estrela da canção popular brasileira, quando passou a comandar, ao lado de Jair Rodrigues, um dois mais importantes programas de música popular brasileira, O Fino da Bossa.





Cantou muitos gêneros: da MPB, passou pela bossa nova, samba, rock e jazz. Interpretando canções como "Madalena", "Águas de Março", "Atrás da Porta", "Como Nossos Pais", "O Bêbado e a Equilibrista" e "Querelas do Brasil", registrou momentos de felicidade, amor, tristeza e patriotismo.


Ao longo de toda sua carreira, destacou-se por cantar também músicas de artistas, ainda, pouco conhecidos, como Milton Nascimento, Ivan Lins, Belchior, Renato Teixeira, Aldir Blanc, João Bosco, ajudando a lançá-los e a divulgar suas obras.


Entre outras parcerias, são célebres os duetos que teve com Jair Rodrigues, Tom Jobim e Rita Lee. Com seu segundo marido, o pianista César Camargo Mariano, consagrou um longo trabalho de grande criatividade e consistência musical e, em termos técnicos, foi considerada a melhor cantora brasileira.


Foi a primeira pessoa a inscrever a própria voz como se fosse um instrumento, na Ordem dos Músicos do Brasil. Em 2013, foi eleita a melhor voz feminina da música brasileira pela Revista Rolling Stone. Elis foi citada também na lista dos maiores artistas da música brasileira, ficando na 14ª posição, sendo a mulher mais bem colocada. Em novembro do mesmo ano estreou um musical em sua homenagem Elis, a Musical.



Elis Regina morreu aos 36 anos, em 19 de janeiro de 1982, no auge da carreira, causando forte comoção no país e deixando uma vasta obra na música popular brasileira. Embora tenham havido controvérsias e contestações quanto à causa da morte, os exames comprovaram que a causa foi o consumo de cocaína associado a bebida alcoólica, que provocou uma parada cardíaca.

Cerca de 15 mil fãs acompanharam de perto a cerimônia, cantando músicas como "Romaria" e prestando suas últimas homenagens. O cortejo, em um caminhão do Corpo de Bombeiros, praticamente parou a cidade, partindo no fim da manhã do dia seguinte rumo ao cemitério do Morumbi, onde Elis Regina foi sepultada cercada por outra multidão.



19 DE JANEIRO DE 1982

Dia 18 foi uma segunda e não lembro o que fiz a noite, depois de encarar as tarefas da Zero Hora e da Assembleia. Mas foi um festão, porque lembro que acordei mal no dia seguinte.

Não lembro a hora, mas fui na cozinha e me agarrei numa garrafa de água. Careta, a nossa gata, miava insistente, pedindo comida. Atendi o bicho e me sentei na mesa da cozinha, sei lá o motivo. E liguei um rádio, que não saía dali - minha mãe não vivia sem escutar notícias.

O dial estava na Gaúcha e uma pessoa estava com a voz embargada, um negócio muito triste. Não conseguia entender o que estava acontecendo - imagina a ressaca...

Até que identifiquei: era o professor Ruy Carlos Ostermann que, tive certeza, estava segurando o choro. Putamerda, quem morreu? Aí começou a rodar uma música cantada pela Elis. Não, não podia ser a Elis que morreu, minha ídola

Terminada a música, retorna o professor Ruy e anuncia que Elis Regina havia falecido. Levei um choque, como se fosse uma pessoa da minha família. E comecei a chorar como uma criança. Não conseguia parar o choro, talvez  porque me lembrava de todos os shows que assisti dela, inclusive o último no Gigantinho.

Passei um dia arrasado.

Fui jantar no Pedrini e lá estavam viúvos e viúvas da Elis. Ao sair, fomos todos lá  pra casa - morava a uma quadra do Pedrini, na avenida Venâncio Aires - escutar e escutar e escutar os discos dela.



ELIS VIVE!


Este foi o título da mostra fotográfica que o fotojornalista Alfonso Abraham produziu  em 19 de janeiro de 1983, com a curadoria do marchand Renato Rosa. Uma semana de um ano da morte 1983, antes do aniversário de morte da Elis, dia 19  a cidade amanheceu totalmente grafitada com o título ELIS VIVE!. Os grafites estavam pintados em fachadas de museus, residências, monumentos do Centro Histórico, foi um grande movimento em homenagem a nossa grande cantora.

"Vendo isto tudo na época procurei fotografar o máximo possível de grafites que hoje completam 40 anos da tragédia que nos tirou a grande artista Elis. Mas as fotos ficaram. Outro assunto foi o seu último show no Teatro Leopoldina. Tive a oportunidade e felicidade, se posso dizer isso, de fotografar a maior artista gaúcha em seu último espetáculo em Porto Alegre", conta Alfonso.

(clica em cima que amplia)







ALGUMAS CURIOSIDADES


* Em Porto Alegre, a família de Elis morava em um apartamento na Vila do IAPI, no bairro Passo d'Areia, na zona norte da cidade.


Seu apelido dentro de casa era "Lilica" e, quando ela tinha 7 anos, nasceu seu irmão mais novo, Rogério. Durante sua infância e adolescência, Elis estudava o curso Normal no Instituto de Educação General Flores da Cunha. Estudou também no Colégio Estadual Júlio de Castilhos, por breve período, e terminou seus estudos no Instituto Estadual Dom Diogo de Sousa.

Foi uma garota muito precoce: consta que aos três anos já falava cantando. Nos anos seguintes, começou a aprender os sambas-canção que tocavam no rádio da época, cantados por Emilinha Borba, Cauby Peixoto, Marlene, Francisco Alves e sua paixão, Angela Maria.


Aos sete anos, sua mãe a levou à Rádio Farroupilha para participar de um programa de rádio chamado Clube do Guri, apresentado pelo radialista Ari Rego. Antes mesmo do ensaio, a guria entrou em pânico e pediu para voltar para casa. Ela só iria voltar ao programa em 1957, aos doze anos de idade, quando finalmente controlou seu nervosismo e conseguiu cantar. A impressão causada foi tão boa que Elis foi convidada para voltar ao programa nos dias seguintes e passou a fazer parte das crianças que se apresentavam regularmente, de modo amador, sem cachê. A única recompensa era uma caixa de chocolates do patrocinador do programa que recebiam de vez em quando.


* Elis chegou ao Rio exatamente na manhã do dia 31 de março de 1964, isto é, no dia do golpe de 1964. Com sua experiência no rádio gaúcho, Elis conseguiu rapidamente um emprego na TV Rio para participar dos programas Noites de Gala e A Escolinha do Edinho Gordo. O primeiro era um programa comandado por Ciro Monteiro no qual Elis fazia apresentações musicais. Eles se tornariam grandes amigos, com Ciro Monteiro sendo uma das pessoas que chamavam a cantora por seu apelido de casa, "Lilica". O último programa era um humorístico cujo formato já havia sido utilizado antes e que ficaria celebrizado anos depois com a Escolinha do Professor Raimundo, de Chico Anysio. Nele, fazia uma das alunas, contracenando com Marly Tavares, Evelyn Rios, Wilson Simonal, Jorge Ben e o Trio Irakitan. Mais do que a experiência adquirida, sua passagem na TV Rio serviu também para fazer contatos, como os já citados, além de Orlandivo e, principalmente, Dom Um Romão.

Ainda no primeiro semestre de 1964, Elis fez um teste para ser a cantora na gravação em disco do espetáculo Pobre Menina Rica, composto por canções de Carlos Lyra e Vinicius de Moraes. O show havia sido um dos sucessos tardios da bossa nova no ano anterior, quando havia ficado em cartaz com Lyra e Vinicius tocando as canções cantadas pela então estreante Nara Leão na boate Au Bon Gourmet, com direção de Aloysio de Oliveira. Nara não participaria da gravação do disco por estar envolvida com o Show Opinião e o disco contaria com novos arranjos de Tom Jobim. No teste, Carlos Lyra ficou surpreso pela postura de Tom que não aprovou a cantora. No final, o disco acabou saindo com os vocais de Dulce Nunes - mulher do maestro Bené Nunes - e sem os arranjos de Tom.

* Depois de apresentações no Beco das Garrafas, Elis teve um ano glorioso em 1965. Em São Paulo recebeu a proposta de apresentar o programa O Fino da Bossa, ao lado de Jair Rodrigues. O programa, gravado a partir dos espetáculos e dirigido por Walter Silva, ficou no ar até 1967 (TV Record, Canal 7, SP) e originou três discos de grande sucesso: um deles, Dois na Bossa, foi o primeiro disco brasileiro a vender um milhão de cópias. Seria dela agora o maior cachê do show business.


Em 1965, interpretou a canção Arrastão, de Edu Lobo e Vinícius de Moraes, que venceu o I Festival de Música Popular Brasileira na TV Excelsior, na ocasião também foi premiada com o troféu Berimbau de Ouro de melhor intérprete. Nesta época, compõe sua primeira e única música - "Triste Amor Que Vai Morrer" - em parceria com o jornalista e radialista Walter Silva e que seria gravada, de forma instrumental, apenas por Toquinho, em 1966.


Um dos grandes sucessos dessa época e ao longo de toda a carreira de Elis Regina foi a canção Upa Neguinho, de Edu Lobo e Gianfrancesco Guarnieri, que fez parte do musical Arena conta Zumbi, dirigido por Augusto Boal, em 1965. A canção apareceu no LP O Dois na Bossa 2, lançado em 1966 e gravado ao vivo no programa O Fino da Bossa, na TV Record. Sendo uma artista recordista de vendagens pela gravadora Philips cantou no Mercado Internacional de Discos e Edições Musicais (MIDEM), em Cannes, em janeiro de 1968, quando começou a direcionar sua carreira para o reconhecimento também no exterior. Em 1969 gravou e lançou no exterior dois LPs: um com o gaitista belga Toots Thielemans, em Estocolmo, e Elis in London. 


* Durante os anos 1970, aprimorou constantemente a técnica e domínio vocal, registrando em discos de grande qualidade técnica parte do melhor da sua geração de músicos. Patrocinado pela Philips na mostra Phono 73, com vários outros artistas, deparou-se com uma plateia fria e indiferente, distância quebrada com a calorosa apresentação de Caetano Veloso: Respeitem a maior cantora desta terra. Em julho lançou Elis (1973). Em 1974, gravou com Antônio Carlos Jobim, o álbum Elis & Tom, considerado um dos melhores LP's da história da música popular brasileira.


Em 1975, com o espetáculo Falso Brilhante, dirigido por Myriam Muniz, que mais tarde originou um disco homônimo, atinge enorme sucesso, ficando mais de um ano em cartaz e realizando quase 300 apresentações. Lendário, tornou-se um dos mais bem sucedidos espetáculos da história da música nacional e um marco definitivo da carreira. Ainda teve grande êxito com o espetáculo Transversal do Tempo, em 1978, de um clima extremamente político e tenso; o Essa Mulher em 1979, direção de Oswaldo Mendes, que estreou no Anhembi em São Paulo e excursionou pelo Brasil no lançamento do disco homônimo; o Saudades do Brasil, em 1980, sucesso de crítica e público pela originalidade, tanto nas canções quanto nos números com dançarinos amadores, direção de Ademar Guerra e coreografia de Márika Gidali (Ballet Stagium); e finalmente o último espetáculo, Trem Azul, em 1981, direção de Fernando Faro.


* Em 18 de agosto de 1997 recebeu, a título póstumo, o grau de Comendador da Ordem do Infante D. Henrique, de Portugal.


Em 22 de setembro de 2005, inaugurou-se na Casa de Cultura Mario Quintana, em Porto Alegre, um espaço memorial para abrigar o Acervo Elis Regina. Trata-se de uma coleção de fotografias, artigos, objetos, discos e outros tipos de materiais relacionados com a vida e a obra da cantora, tendo sido doado por fãs, jornalistas e amigos pessoais de Elis.


Em 2015, Elis Regina foi a grande homenageada da Escola de Samba Vai-Vai, com o enredo "Simplesmente Elis - A Fábula de Uma Voz na Transversal do Tempo". Sendo o décimo quinto título da escola paulistana, o que a fez conquistar o título do ano de 2015. Em 2016, foi lançado o filme Elis, tendo Andreia Horta como intérprete. Em 2019, foi lançada a minissérie Elis - Viver é melhor que sonhar, transmitida pela TV Globo.



O DISCO PROIBIDO DE ELIS



por Vanderlei Cunha - jornalista

Em 1968, Elis RÉGINA cantou duas vezes no L´Olympia de Paris.

A estreia aconteceu em janeiro, e seu desempenho agradou tanto que foi recontratada para retornar em março.

Até então, nenhum outro artista estrangeiro havia participado de dois shows num mesmo ano na célebre casa de espetáculos do Boulevard des Capucines.

A TV francesa também a destacou num badalado programa semanal de variedades culturais chamado Discorama, apresentado pelo jornalista Raoul Sangla.

Num estúdio local, gravou um compacto cantando em francês, Com o nome de Elis Regina em Paris, o disquinho a trouxe num dueto com Pierre Barouh em Noite dos Mascarados, de Chico Buarque.

Por volta de 1970, soube-se que a gravadora Philips brasileira produzira uma compilação desses dois shows do L`Olympia, onde a Pimentinha dividiu o palco com Sacha Distel e Sylvie Vartan, ícones pop da época, e mais quatro canções que havia cantado no Discorama, uma delas a versão francesa de Upa Neguinho.

No entanto, por intrincadas questões jurídicas envolvendo direitos autorais e licenciamentos mal conduzidos com gravadoras europeias, esse disco acabou morrendo na casca e, cancelado, jamais teria sido lançado no mercado.

Nunca mais se soube dele e nem a própria Elis alguma vez o mencionou em suas memórias ou entrevistas.

O fato relevante é que estava tão pronto que até sua capa chegou a ser impressa, com numeração (R 765.011 L) e tudo.

Por absoluto acaso, um exemplar dessa capa de estética psicodélica me foi entregue como amostra de pré-lançamento pelo representante da Philips Discos em Porto Alegre, à época, o querido Osmar Borges Leal.

Eu trabalhava em rádio e era comum recebermos material promocional de divulgação de todas as gravadoras.

Em 1985, como gerente-executivo da Polygram/Philips para o RGS, tive acesso, num encontro no Rio, aos arquivos da empresa (tantos os de matrizes originais quanto de materiais impressos) e, mesmo auxiliado por funcionários do setor e com ajuda luxuosa do então diretor Roberto Menescal, nada foi encontrado sobre esse disco e nem mesmo essa capa existia.

Em 1998, com a fusão da holandesa Polygram/Philips com a canadense Universal Music, essas gravações "proibidas" de Elis em Paris, quase lançadas há 50 anos, se porventura ainda existissem, jamais seriam, até prova em contrário, ouvidas num picape. 

E quase cinco décadas se passaram depois disso. Já pesquisei muito na rede sobre esse disco e essa capa que conservei em meu acervo: não existe absolutamente nada. Nem o bom Google está resolvendo essa parada.

Nas biografias de qualidade até agora editadas (Furacão Elis e Nada Será Como Antes), nenhuma menção foi feita a esse ´disco francês´ de Elis...

 Estranho mesmo...

Quanto à capa, com estética psicodélica, bem, ela é mais do que uma raridade, e a pergunta se impõe: quantas cópías ainda existirão? Quantas chegaram a ser impressas como material promocional? Talvez tenham sido destruídas após o cancelamento do projeto?

Posso até estar muito enganado, mas essa que publico talvez seja, quem sabe, a única prova existente e conservada da capa deste lendário disco proibido e perdido de Elis... Ou não?

Com o YouTube e a liberdade digital que hoje impera na recuperação de matrizes antigas, torço para que um dia tudo isso se esclareça para o bem da discografia oficial da inesquecível garota do IAPI que brilhou de verdade na Europa, França e Bahia...

Com a palavra sobre essa raridade, os meus estimados amigos Cristiano Grimaldi, um dos grandes hard collectors deste país, e Carlos Soares, que lá, em Portugal, conhece música popular brasileira e suas raridades como poucos.


XXXXXXXXXXXXXXX

- SUCESSO NA COMUNICAÇÃO -


Independente do trabalho legislativo e das atividades diárias, Bibo Nunes está oferecendo o curso "Sucesso na Comunicação" -PERCA O MEDO DE FALAR EM PÚBLICO.

O objetivo do curso é fazer as pessoas usarem o poder da oratória, através de 57 aulas exclusivas (com ebook do curso e acesso ao fórum de alunos).

Bibo Nunes irá mostrar a essência da comunicação para vender suas ideias e encantar com maestria. Você nunca mais terá medo de fazer uma apresentação ou de lidar com o público.

O curso é para estudantes, profissionais liberais, empreendedores, artistas, empresários e políticos; líderes que desejam aumentar o seu poder de influência e persuasão;
profissionais que desejam ser mais confiantes e respeitados pela sua equipe; pessoas que querem crescer na carreira, atingir maiores cargos e posições mais altas do mercado.

Conheça os 9 módulos em https://www.bibonunes.com.br/sucesso-na-comunicacao.

Inscrições pelo https://pay.hotmart.com/K58406923H?checkoutMode=10&bid=1638900367297 

Terça, 18 de janeiro de 2022

 



SOU QUEM SOU.
TUA APROVAÇÃO NÃO É NECESSÁRIA.
...

ANDO DEVAGAR
PORQUE JÁ TIVE PRESSA







Escreva apenas para


COMENTÁRIOS: Todos podem fazer críticas, a mim, a qualquer pessoa ou instituição. Desde que eu tenha alguma informação do crítico - nome, telefone, cpf - ou seja, dados. Claro que existem pessoas que conheço e que não necessito dessas informações. MAS NÃO PUBLICO CRÍTICAS FEROZES. 
E não esqueça: mesmo os "comentaristas anônimos" podem ser identificados pelo IP sempre que assim for necessário. Cada um é responsável pelo que escreve.




EXISTE UM PROTOCOLO PARA
REPÓRTERES DE TV E RÁDIO?


Repórter de rádio não tem que ter voz de locutor. Mas uma boa dicção é fundamental. Um sujeito meia língua ou que não consegue dizer algumas palavras pode ser repórter mas tem que consultar um fonoaudiólogo. Ah, e por favor, nada de voz andrógena. Homem com voz de homem e mulher com voz de mulher. Porque, caso contrário, o ouvinte fica mais interessado em identificar o dito e nem escuta a matéria. Já imaginaram um repórter com a voz do Pabblo Vittar?

Repórter de TV. Tenho bons amigos do tempo da faculdade. Um deles é o Roberto Thomé, hoje na TV Record. Começou na RBS TV e depois foi pra Globo. Tem mais de 40 anos de reportagem. Quando eu morava no Rio ele foi me visitar e fomos tomar uns chopes na avenida Atlântica. Lá pelas tantas, comentei que um baita repórter de TV estava no Rio desempregado. "Tu podias dar uma força a ele", sugeri. E o Thomé: "É difícil, porque ele não tem a imagem para ser repórter da Globo".

A partir desse dia comecei a prestar atenção nos repórteres. Com raríssimas exceções, como a Sandra Passarinho, que é muito feia, o pessoal, desde a década de 1980 tem um certo padrão - não tem nenhum galã ou uma deusa. Todos têm boa dicção e não lembro de ter visto algum com tatuagens a vista ou o cabelo colorido. No ano passado a direção da emissora orientou as repórteres como deveriam se vestir - proibido, por exemplo, decotes.

Não conheço a repórter que ilustra este post. Sei apenas que ela fala do Rio Grande para os jornais da RBS TV. Tem tudo para ser uma repórter ainda melhor, sabe o ofício. Eu acredito que a pessoa tem TODO O DIREITO de fazer o que bem entender com o seu corpo. Mas tem certas profissões que isto não é possível. Um diplomata, por exemplo, não tem a menor chance de progredir na carreira se tem uma tatuagem de caveira na testa.

Podem dizer que é um preconceito meu, mas não posso aceitar que uma repórter de TV tenha o cabelo da cor de telha ou tijolo. Assim como não pode ter cabelo verde ou rosa. Acha bonito ter tatuagem? Legal, mas não precisa mostrar. A voz fina pode ser corrigida com o auxílio de um profissional.

O repórter tem que aparecer pela qualidade da informação. Só isso.


XXXXXXXXXXXXXXX

- SUCESSO NA COMUNICAÇÃO -


Independente do trabalho legislativo e das atividades diárias, Bibo Nunes está oferecendo o curso "Sucesso na Comunicação" -PERCA O MEDO DE FALAR EM PÚBLICO.

O objetivo do curso é fazer as pessoas usarem o poder da oratória, através de 57 aulas exclusivas (com ebook do curso e acesso ao fórum de alunos).

Bibo Nunes irá mostrar a essência da comunicação para vender suas ideias e encantar com maestria. Você nunca mais terá medo de fazer uma apresentação ou de lidar com o público.

O curso é para estudantes, profissionais liberais, empreendedores, artistas, empresários e políticos; líderes que desejam aumentar o seu poder de influência e persuasão;
profissionais que desejam ser mais confiantes e respeitados pela sua equipe; pessoas que querem crescer na carreira, atingir maiores cargos e posições mais altas do mercado.

Conheça os 9 módulos em https://www.bibonunes.com.br/sucesso-na-comunicacao.

Inscrições pelo https://pay.hotmart.com/K58406923H?checkoutMode=10&bid=1638900367297 


XXXXXXXXXXXXXXX


SOLIDARIEDADE AO DANIEL CARNIEL -
O criminoso que mandou um bandido agredir o jornalista Daniel Carniel já deve estar arrependido. Várias rádios, sites/blogs, jornais e TVs mostraram toda indignação com a covarde agressão. E a Polícia já tem pistas dos bandidos.

Não leu? Está aqui.

Ontem também li manifestação do Sindicato dos Jornalistas do RS e da Federação Nacional dos Jornalistas. Nos sites da ARI e Sindicato dos Radialistas, nada.
...

Já está com a Polícia Civil imagens de uma câmera de segurança externa do prédio da Adesso TV e do bandido agressor.


Abaixo o bandido que agrediu Daniel:




Daniel, além de fazer denúncias documentadas mostra "a sua cara". Não tem medo e não vai parar de denunciar irregularidades. Uma das mais interessantes foi a denúncia sobre a inauguração de um poço. "Acontece que fizeram a inauguração do poço e de lá não saiu uma gota de água", conta Daniel.
Para terem ideia, em apenas um ano desde a última eleição, Garibaldi já está no terceiro prefeito...

-


PENSANDO BEM

Alckmin será um morto-vivo, se o PT e o próprio PSD, não aceitarem a dobradinha com Lula. A divina decadência...

Bibo Nunes, deputado federal

-


ACREDITEM - Na estreia de sua coluna no Matinal Jornalismo, Juremir Machado da Silva escreveu:
"Cada vez encontro mais pessoas progressistas, que votaram nele (Melo), saudosas de Nelson Marchezan Júnior."
O velho provocador está a mil!


-

ISSO É INIMAGINÁVEL! - Reproduzo matéria do Humberto Trezzi, publicada no site GauchaZH:


A Polícia Civil já identificou cinco participantes de uma live na internet que transmitiu a tortura e assassinato de um cão na cidade de Lindolfo Collor, no Vale do Sinos. Desses, quatro são gaúchos – um deles é o rapaz que furtou o animal e o dilacerou, em transmissão ao vivo pelas redes sociais. Os outros incitaram a prática da violência. Do grupo, três são menores de idade.

Dos cinco, os quatro gaúchos devem ser responsabilizados por apologia ao crime, sendo que o autor do assassinato do animal também responderá por maus tratos. Ele já foi indiciado por esses dois delitos. O quinto integrante do grupo mora em Goiás e não se sabe o resultado da investigação.

O jovem, de 17 anos, foi apreendido com ordem judicial e internado numa unidade da Fundação de Assistência Social e Comunitária (Fase) destinada a menores de idade infratores. Ele é ajudante de obras e filho de um pedreiro. O adolescente toma medicamentos psiquiátricos de uso contínuo e desde criança apresenta problemas psicológicos, relataram seus familiares, em depoimento (inclusive à reportagem de GZH).

O adolescente disse que torturou e matou o cão como uma espécie de ritual de iniciação para participar de um grupo que divulga ideias extremistas nas redes sociais. Entre elas, pregações neonazistas. Mais de duas dezenas de integrantes desses grupos foram identificados por policiais de diversos estados brasileiros. Alguns inclusive usam capacete e fazem saudações nazistas, em vídeos.

Tramitam contra eles diversas investigações policiais. No caso do cão, são cinco os identificados e investigados (um de Goiás, os demais das cidades gaúchas de Lindolfo Collor, Alvorada, Tramandaí e Porto Alegre). Eles estimulavam, em chat na internet, a tortura do animal. O caso é investigado pela delegada Raquel Peixoto.

O adolescente que torturou e matou o cão vai responder também por furto do animal (que pertencia a uma vizinha) e por outro episódio: o e-mail dele foi usado para fazer ameaças a funcionários da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). O e-mail com o avatar dele na internet e também o seu CPF faz declarações agressivas direcionadas ao comando da agência, com a promessa de que os diretores do órgão "pagarão caro" por aprovarem a vacinação contra a covid-19 para crianças no Brasil.

No e-mail, o adolescente ameaça "purificar a terra onde a Anvisa está instalada usando combustível abençoado". Ele manda seus dados pessoais, diz que mora no Rio Grande do Sul e desafia "os parasitas da PF" a encontrá-lo. Ele se despede com uma saudação nazista. 

O caso foi para a Polícia Federal, por envolver uma agência federal.

Todos esses jovens são também investigados por apologia ao nazismo, em inquérito conduzido pela Delegacia da Intolerância, da Polícia Civil gaúcha. O inquérito também investiga dezenas de rapazes que usam objetos e símbolos nazistas e promovem incitação ao ódio. Alguns já sofreram busca e apreensão de material que comprova essas conexões.


-


JAIRO JORGE COM O BICHO - "D
esde a última quarta-feira, dia 12 de janeiro, tenho realizado testes diários para monitoramento da COVID. Hoje, no final da manhã, o resultado infelizmente foi positivo. Depois de quase dois anos, estou pela primeira vez com COVID 19. Os sintomas são leves e já estou isolado e em tratamento. Já tomei as minhas 3 doses da vacina, o que é muito importante neste momento. Estarei monitorando remotamente todos os temas da Prefeitura de Canoas. Agradeço o carinho e a atenção de todos".

-


VOLTOU - O urubu careca deve estar furioso.
Luciano Hang está de volta ao Twitter.
E voltou dando um pau em Lula.


-


MUITO BOA




-


METAVERSO - Escreve o Sandro Kluge:

Ouço que há empresas que estão investindo num tal de Metaverso – que é uma palhaçada de vida virtual criada por um guri que manipula a cabeça dos otários.

Quando as pessoas que tão tudo sem noção querendo que existam 7 bilhões de mundos, pois cada um se acha “o mundo em si”, e forçando a qualquer um a aceitar a suas verdades, vem o ixperto do Face, cria um mundinho para dizer: “olha só, um mundinho só prá ti”. Mas, como num mundinho só prá ti, vc vai ter um monte de iguais a tu, que também não vão querer conviver contigo, pois os iguais se repelem. Daí, vão ter os psicólogos dos “perfis eletronicos”... Será que se c..g... este mundo virtual?

Sabe qual é a solução: dá uma enxada prá cada um, mandar abrí vala no meio do mato, debaixo do sol.


-


DEFENDER OS EVENTOS DO PATRÃO


-


GOD!!


-


NEYMAR É UM FIASCO - Lewandowski foi escolhido o melhor jogador de 2021.


-


FECHO!!


-


PDT PREPARA-SE - Para perder mais uma eleição estadual. O único que poderia ter alguma chance, Romildo Bolzan Júnior, não quer se meter nesta fria.
Quem se aventurar a concorrer deve se lembrar que o partido abandonou Jairo Jorge em 2018.


-


FIM DE SEMANA EM PORTO ALEGRE



-

PIADINHA

Segunda, 17 de janeiro de 2022

 



SOU QUEM SOU.
TUA APROVAÇÃO NÃO É NECESSÁRIA.
...

ANDO DEVAGAR
PORQUE JÁ TIVE PRESSA







Escreva apenas para


COMENTÁRIOS: Todos podem fazer críticas, a mim, a qualquer pessoa ou instituição. Desde que eu tenha alguma informação do crítico - nome, telefone, cpf - ou seja, dados. Claro que existem pessoas que conheço e que não necessito dessas informações. MAS NÃO PUBLICO CRÍTICAS FEROZES. 
E não esqueça: mesmo os "comentaristas anônimos" podem ser identificados pelo IP sempre que assim for necessário. Cada um é responsável pelo que escreve.




GAROTA-PROPAGANDA DE
"FECHAR O COMÉRCIO"
OU
POR ONDE ANDA
LÉLIA PARIZOTTO?


Texto do jornalista Vanderlei Cunha.

A garota ia passando pela rua, despreocupada e cônscia da admiração que despertava. Seus 16 anos palpitavam em cada traço, no jeito simples de broto gaúcho. Olhos experientes e interessados a seguiram, mediram os prós e contras e decidiram a sorte da moça.

Lélia Parizotto iniciou assim a carreira. Manequim e modelo fotográfico de uma agência de propaganda, começou a ficar conhecida do público.

Quando a TV Piratini estabeleceu testes para garota-propaganda, apresentou-se sem grandes esperanças de passar. Foi, entretanto, bem sucedida. Afirma que, a princípio, considerava tudo uma brincadeira.



Hoje encara a profissão com muita seriedade, apesar de não a julgar fácil. ‘É necessário simpatia e muito desembaraço, presença de espírito, boa apresentação e boa inflexão’, comenta”.

É assim que a Revista do Globo, de dezembro de 1963, abria sua matéria de capa, um perfil de Lélia Parizotto, feito pela repórter Esther Guendelsmann.

As performances de Lélia se insinuando com maiôs justíssimos, biquínis ousados, derramando sua beleza e sensualidade sobre colchões de molas Divino / Probel nos intervalos da programação da Piratini, davam picos de audiência acima dos primeiros grenais em transmissões diretas ao vivo.

Os marmanjos pouco ligavam para os programas, pois o que realmente interessava eram os intervalos comerciais com certeiras excitadas aparições da musa gringa e morena de Bento Gonçalves.

E os dias eram assim, gloriosos!

O fato é que nunca mais se soube de Lélia Parizotto, nascida em Bento Gonçalves, que hoje está ou estaria com 75 anos.



Ela agora
Mora só no pensamento
Ou então no firmamento
Em tudo que no céu viaja
Pode ser um astronauta
Ou ainda um passarinho
Ou virou um pé de vento
Pipa de papel de seda
Ou quem sabe um balãozinho
Pode estar num asteroide
Pode ser a estrela D'alva
Que daqui se olha
Pode estar morando em Marte
Nunca mais se soube dela
Desapareceu
Ela agora
Mora só no pensamento
Ou então no firmamento
Em tudo que no céu viaja
Pode ser um astronauta
Ou ainda um passarinho
Ou virou um pé de…

XXXXXXXXXXXXXXX

- SUCESSO NA COMUNICAÇÃO -


Independente do trabalho legislativo e das atividades diárias, Bibo Nunes está oferecendo o curso "Sucesso na Comunicação" -PERCA O MEDO DE FALAR EM PÚBLICO.

O objetivo do curso é fazer as pessoas usarem o poder da oratória, através de 57 aulas exclusivas (com ebook do curso e acesso ao fórum de alunos).

Bibo Nunes irá mostrar a essência da comunicação para vender suas ideias e encantar com maestria. Você nunca mais terá medo de fazer uma apresentação ou de lidar com o público.

O curso é para estudantes, profissionais liberais, empreendedores, artistas, empresários e políticos; líderes que desejam aumentar o seu poder de influência e persuasão;
profissionais que desejam ser mais confiantes e respeitados pela sua equipe; pessoas que querem crescer na carreira, atingir maiores cargos e posições mais altas do mercado.

Conheça os 9 módulos em https://www.bibonunes.com.br/sucesso-na-comunicacao.

Inscrições pelo https://pay.hotmart.com/K58406923H?checkoutMode=10&bid=1638900367297 


XXXXXXXXXXXXXXX


POLÍCIA INVESTIGA CRIMINOSOS QUE AGREDIRAM O JORNALISTA DANIEL CARNIEL, EM GARIBALDI


O apresentador da Adesso TV de Garibaldi, Daniel Carniel, foi agredido com socos e chutes no início da tarde desta sexta passada, por volta das 12h50min, quando chegava para trabalhar na emissora.

De acordo com o jornalista, dois homens estariam esperando sua chegada e, após ser identificado, Daniel foi surpreendido com diversas agressões. “Eles pediram quem era o Daniel e disse que era eu e imediatamente começaram a me agredir.

Me jogaram no hall de entrada do prédio, onde seguiram me chutando e diziam: isso é pelas denúncias que tu está fazendo na TV, isso é para você aprender a falar na TV, para te mostrar que tu não pode falar o que quiser”, contou o apresentador, durante transmissão ao vivo no seu programa “Prato Limpo”.

O jornalista já havia relatado ameaças por conta de denúncias e questionamentos realizados contra políticos de Garibaldi e Bento Gonçalves.


...

Amigos, 

Estou aqui para dizer que estou bem, apenas com alguns pontos, mas dentes intactos. O covarde e o picareta mandante deste ataque não vão ficar impunes. A Policia tem as imagens do agressor e as investigações já iniciaram. 

Lamento informar a estes covardes, que se tentaram me calar, o sangue na minha camisa e no meu rosto, me deram ainda mais coragem para continuar denunciando no programa Prato Limpo.


-


PEGOU PESADO - O prefeito de Bagé, Divaldo Lara, está divulgando um vídeo onde faz sérias acusações a "ixquerda" e, em especial, ao repórter da RBS TV Giovani Grizotti. Pede para que o jornalista mostre a sua cara - e aí coloca uma foto de GG, que fica na tela enquanto ele desanca pau. Segundo Lara, foram 64 denúncias de seus inimigos que não deram em nada.


-


GG FICOU BRABO - O repórter Giovani Grizotti registrou um boletim de ocorrências contra Divald
o Lara, que publicou a sua foto. 
- Ele colocou em risco a minha vida - afirma Grizotti.


-


DIFERENÇA - Lendo a matéria do Daniel Carniel e a do Giovani Grizotti... que diferença...


-


SUMIU - O vídeo do prefeito de Bagé desapareceu. Não está mais publicado em nenhum lugar - é o que informa o Google.


-

REALIDADE



-



JUREMIR ESTREIA - Agora, o colunista Juremir Machado da Silva, demitido do "conservador" Correio do Povo, está "em casa". Depois de ter espaço no site tri-de-ixquerda Brasil 247, começa hoje no Matinal Jornalismo, com uma coluna diária com todas as condições de elevar o petismo e seus chefes. Para terem uma ideia, na primeira coluna no 247 ele compara Lula com Getúlio.
Para quem não conhece, o Matinal é um jornal diário, que chega aos assinantes pelo e-mail. É difícil classificá-lo - um tanto simpático ao PT e um tanto seguidor do "estilo jornalístico" da Globo.


-


O AMOR ESTÁ EM SÃO PAULO - Pra variar, Dudu Milk passou o final de semana em São Paulo, onde vive seu namorado. Aiás, ele sempre encontra um motivo "profissional" para ir a São Paulo e, óbvio, com tudo pago pelo contribuinte.
Ele volta em um voo inaugural da Gol, de Guarulhos direto para Pelotas.


-


PETISTAS ENLOUQUECIDOS - Causou orgasmos a notícia de que a Ford vai fechar suas fábricas no Brasil. Dizem que o então governador Olívio Dutra previu. HAHAHAHAHA!!!!
Para petistas, incompetente virou vidente!!



-


PERGUNTINHA 

Quem é o pior governador que o RS já teve?
Dudu ou Olívio?



_


REFLEXÃO FUTEBOLÍSTICA

Se é pra ficar se incomodando com casamento a toda hora, o Grêmio devia ter trazido o Fábio Júnior.

Cesar Joni Garibotti

-


SONHO DE CONSUMO - Passar férias em Nocualofa.


-


REFLEXÃO LITERÁRIA

Thiago de Mello, o grande poeta que morreu na sexta passada e vem sendo lembrado, concorreu à ABL em 2014.
Fez UM voto!
Enquanto isso a Fernanda Montenegro... Márcio Pinheiro, jornalista -
INFLAÇÃO NOS ESTADOS UNIDOS E A INFLAÇÃO NO BRASIL, SEGUNDO A GLOBO

-

PIADINHA