Terça, 20 de agosto de 2019




Jamais troquei de lado.
Por quê? Eu não tenho lado.
Ou melhor, o meu lado sou eu
...
ANDO DEVAGAR
PORQUE NÃO TENHO PRESSA





Escreva apenas para





Segue a vaquinha. Tenho que tentar chegar perto do necessário para atender a determinação judicial. 
Além de contribuir pelo https://www.vakinha.com.br/vaquinha/ajuda-ao-blog-do-previdi
aceito qualquer contribuição em uma das contas-poupança:

BRADESCO
José Luiz Gulart Prévidi cpf 238 550 700-59
agência 0939 3
conta poupança 1000049 1

BANRISUL
José Luiz Gulart Prévidi cpf 238 550 700-59
agência 0847
conta poupança:   39.081430.0-0
...
Se preferirem a opção de depositar em uma das contas, favor avisar pelo jlprevidi@gmail.com

...

O livro TODOS POR UM? COMO COMPRAR?
Basta entrar em contato, no Facebook, com Paulo Palombo Pruss. ou pelo editoraescuna@gmail.com ou paulopruss@hotmail.com





LEMBRETE:

EM 13 DE AGOSTO DE 2019, O BLOG DO PRÉVIDI COMPLETOU 16 ANOS DE EXISTÊNCIA ININTERRUPTA.
TE METE!!








HOJE, TERIA VERGONHA DE ESTAR
TRABALHANDO EM UM "JORNALÃO"





Donald Trump está quase no final do mandato de presidente do maior país do mundo e os chamados grandes jornais e as redes de TVs continuam o massacrando, diariamente, mesmo que os Estados Unidos esteja com números mais do que favoráveis em todos os setores.
Eu, aqui, no calcanhar do Brasil, sinto até pena - não do Trump, mas do papel ridículo que fazem os oposicionistas. O mais engraçado é que tem muita gente que confunde as bolas e acredita, piamente, que os democratas ianques são de ixquerda. Hahahaha!!!
Menos de nove meses, desde que tomou posse, e o presidente Messias faz tudo errado. Para constatar isso basta ver o que dizem dele, em todos os lugares, até mesmo aqueles veículos que o apoiaram no período eleitoral.
Jamais tinha visto algo parecido desde que o milicos deixaram o Poder. Todos os demais presidentes sempre foram bem tratados Não? Sarney, Collor, Itamar, FHC, Lula e Dilma/Temer sempre foram elogiados ou deixados de lado porque, na real, deram muito dinheiro para TODOS os chamados grandes veículos.
O presidente Messias, ao contrário, colocou todos na geladeira, com raras exceções.
Aí o pau corre solto e aproveitam tudo para respingar no presidente.
Já faz um tempinho que a bola da vez é a dona Michelli, esposa do Messias.
Leva porrada de todo lado porque alguns personagens de sua família estão "fora da linha" - como se ela tivesse alguma coisa a ver.
...
Li um texto da escritora Ana Lígia Lira, paulista de Santo André e que mora em Recife.
Termina com esta sacanagem que estão fazendo com a dona Michelli Bolsonaro:

O prato preferido dos adversários do Presidente Bolsonaro é,  neste momento, a fragilidade social das origens da primeira dama,  Michelle Bolsonaro.
A mídia se delicia atirando à cara da primeira dama os seus parentes envolvidos com tráfico,  foragidos, ou qualquer fato que possa manchar a imagem de uma mulher de bem, inocente, que não cometeu crime algum, não tem passagem pela polícia e o seu delito foi nascer em meio a uma família complicada e pobre. Se isso não é  bullying , eu não sei o que é.
Michelle deveria ser exaltada por ter conseguido romper com as estatísticas e não ter entrado no ciclo do crime. Ela não foi salva pelo presidente, ela se salvou sozinha,  ele já a conheceu em um trabalho digno, aprovada em um concurso, com uma religião e criando uma filha sozinha.
Eu vivo na periferia e posso falar que não é fácil romper as cadeias que prendem muitos jovens aqui, principalmente quando o histórico familiar é complicadíssima como o da primeira dama. Ela é um grande exemplo e eu lamento que esteja sendo humilhada e perseguida por erros que ela não cometeu, não tinha meios para evitar e dos quais fez de tudo para tomar distância.
Michelle é um exemplo para toda moça de periferia,  para toda pessoa que não se dobra ao erro. É a história de princesa guerreira mais verdadeira da atualidade.
Que Michelle Obama que nada! A nossa Michelle é muito mais forte do que imaginávamos!


-


ALERTA TOTAL NA TV PAMPA!!

Me contam que o 13º salário do pessoal da TV será pago INTEGRALMENTE hoje. Imagina, poderiam estar festejando.
Mas, não.
Na última vez que aconteceu isso na Pampa o jornal O Sul foi extinto.


-



O "NOVO" JORNAL DO ALMOÇO

(clica em cima que amplia)



Acredito que a brincadeira aí de cima diz tudo.
O Jornal do Almoço de "novo" não tem nada.
É uma fórmula que, aqui no RS, foi criada pelo querido amigo Clovis Duarte. Em 1988.
A própria Magda Beatriz, do Atualidade Pampa, estava no Câmera 2 do professor. E passaram por lá Tânia Carvalho, Voltaire Schilling, Sergius Gonzaga, José Barrionuevo, Gilberto Simões Pires, Alejandro Malo, Afonso Ritter, José Fogaça e dezenas de jornalistas e convidados de todas as área.
...
Olha, para esta fórmula dar certo, os comentaristas deverão estar muito preparados e não esquecer um detalhe importante de seu comentário. Afinadíssimos!!
O bom humor do Pedro Ernesto vai fazer bem para o programa.
...
Gostei de ver as cidades onde a emissora  terá repórter.
Um por cidade, que acumula o pepel de motorista, cinegrafista, pau de luz e repórter.
E nas cidades onde a RBS TV tinha redação, o que aconteceu?
Ora, passaralho!!
REPITO: um em cada cidade (E, de repente ganhando o piso salarial do interior).


-


PEPINO GROSSO PARA O CAPOANI - Leiam isso. Luiz Alcides Capoani, ex-presidente do CREA-RS, é acusado, por um delegado de polícia, pela prática dos crimes de calunia e difamação contra outro ex-presidente do CREA-RS, Melvis Barrios Júnior..
...
Leiam:

Meritíssimo(a) Juiz(a):
O presente feito foi instaurado por portaria desta Autoridade Policial diante da notícia de crime que nos foi trazida pela notitia criminis protocolada em 12 de dezembro de 2017 neste órgão policial, fatos tipificados como denunciação caluniosa, calunia e difamação, ocorrido no dia 07 de dezembro de 2017, no interior do Shopping Bourbon Wallig, localizado na rua Túlio de Rose, nesta capital, figurando como vítima MELVIS BARRIOS JUNIOR e acusados PAULO ROGERIO DE OLIVEIRA GODOI e LUIZ ALCIDES CAPOANI.
Conforme relato da vítima, esta foi presidente do CREA-RS, sendo que atualmente estaria concorrendo a novo mandado. Diante disto ocorreram inúmeros problemas entre a vítima e seu concorrente.
Na data do fato tomou conhecimento, por intermédio de um colega, que um e-mail estaria sendo remetido nas redes sociais por seu adversário LUIZ ALCIDES CAPOANI, dando conta de um suposto acidente de trânsito que a vítima teria se envolvido e ainda sentenças judiciais onde a vítima teria sido condenada por dirigir embriagado.
A vitima apresentou documentos que comprovam tais denúncias, bem como um CD onde constam
imagens da vítima do acidente, Paulo Rogério de Oliveira Godoi e uma testemunha do fato Paranaguá Leal Rodrigues relatando o acidente e que acabou sendo divulgado em grupos de whatsapp. Ainda negou ter participado do acidente e não conhece a pessoa de Paulo Rogério
Paulo Rogério Oliveira Godoi declarou que teria sofrido efetivamente o acidente com danos materiais em sua moto, onde o condutor do veículo causador do acidente teria fugido do local. Estranhamente, não procurou o suposto autor do acidente, mas mesmo assim, efetivou registro policial, bem como disse não poder reconhecer o condutor do veiculo, apesar de ter registrado boletim de ocorrência contra o mesmo. Disse ainda que realizaram o vídeo com a intenção de cobrar os danos, mas não sabe o motivo de tal vídeo ter chegado nas mãos de Luiz Alcides Capoani.
A testemunha do acidente Paranaguá Leal Rodrigues, alegou ter presenciado o acidente e afirmou que
Melvis Barrios Junior era o condutor do veiculo, quando ocorreu o acidente. Sobre o vídeo gravado disse que o mesmo foi gravado em uma atividade política, onde, de forma casual, teria encontrado Paulo Rogério, mas não se recorda data e local.
Luiz Alcides Capoani disse que efetivamente foi responsável pelo envio dos e-mails aos diversos
engenheiros que seriam eleitores na eleição do CREA. Alegou não ter conhecimento sobre o vídeo gravado entre Paulo Rogério e Paranaguá Rodrigues, bem como não os conhece.
Com base nos fatos, fica claro primeiro a denunciação caluniosa caracterizada pelo fato de não ter ele, Paulo Rogério a certeza de ter sido Melvis o condutor do veiculo que supostamente teria sido autor do acidente, bem como ter gravado o vídeo sem ter certeza da autoria e ainda fornecido a terceiro, com interesse diverso de se ressarcir de seu dano, conforme alegou.
Causa estranheza o fato de Paranaguá Rodrigues e Paulo Rogério, terem se encontrado em um
determinado momento, terem gravado um vídeo e este vídeo ter viralizado em redes sociais e os mesmos não saberem ao menos lembrar de quando e onde o vídeo foi gravado. E mais, o vídeo foi viralizado nos grupos de whatsapp de eleitores do CREA-RS, coincidentemente as vésperas de uma eleição.
No que se refere a Luiz Alcides Capoani, este afirma ter sido o responsável pelo envio dos emails, que relatavam praticas de Melvis, tanto no que tange ao acidente, como em uma suposta condenação por dirigir embriagado, o que por si só já caracteriza a calúnia e difamação.
Diante do exposto, face aos fatos e circunstâncias presentes nos autos, indicio PAULO ROGERIO DE OLIVEIRA, pela prática do crime de denunciação criminosa, tipificado no artigo 339 e LUIZ ALCIDES CAPOANI, pela pratica dos crimes calunia e difamação, respectivamente artigos 138 e 139, todos do CPB.

Cleber dos Santos Lima,
Delegado de Polícia
Titular da 14a DP.

-


REFLEXÃO SEM DOR

Não entendo!
Alemanha e Noruega não enviam milhões para salvar a Amazônia do desmatamento?
E o desmatamento cresceu?

João Carlos MF, jornalista


-


OS DEZ JATINHOS MAIS CAROS FINANCIADOS PELO BNDES - Do Antagonista:
Entre os proprietários dos dez jatinhos mais caros financiados pelo banco público, estão o governador de São Paulo, João Doria (R$ 44 milhões), e os irmãos Joesley e Wesley Batista, da JBS (R$ 39,8 milhões).
No topo da lista está o empresário Michael Klein (Casas Bahia), que pagou R$ 77,8 milhões por um jato executivo da Embraer – o modelo não é informado. O financiamento foi feito em 2013 por meio do banco ABC para a CB Air (hoje Icon Aviation).
A família Moreira Salles (Itaú-Unibanco) também usufruiu da linha de financiamento do BNDES, pagando apenas 4,5% ao ano de juros sobre empréstimo de R$ 75,5 milhões para adquirir uma aeronave em nome da Brasil Warrant Administradora de Bens.
Confira a relação dos proprietários das dez aeronaves mais caras bancadas pelo BNDES:

JBS S/A – R$ 39,78 milhões (2009)

Doria Administração de Bens Ltda – R$ 44,03 milhões (2010)

Neo Táxi Aéreo – R$ 44,97 milhões (2011)

Construtora Estrutural – R$ 64,01 milhões (2012)

Brasil Warrant Adm de Bens – R$ 75,46 milhões (2013)

Lojas Riachuelo – R$ 55,52 milhões (2013)

Sumatera Participações – R$ 65,96 milhões (2013)

Industrial e Comercial Brasileira – R$ 59,11 milhões (2013)

CB Air Taxi Aéreo – R$ 77,78 milhões (2013)

OS Eurofarma Laboratórios – R$ 43,99 milhões (2014)

...

Não aparece o do Luciano Hulck, nesta relação, porque o dele SÓ custou 17 milhões de reais.


-


PERGUNTINHA

Por que todo velho cacique brasileiro pinta o cabelo?



-


AGORA VAI! TE CUIDA FELIPÃO!!




-


PASSO!!




-


NÃO É PIADINHA

Ela tinha que ter um defeito.
Olha que pé feio da Paolla Oliveira:



-


PIADINHA

Cachorro corintiano



Segunda, 19 de agosto de 2019




Jamais troquei de lado.
Por quê? Eu não tenho lado.
Ou melhor, o meu lado sou eu
...
ANDO DEVAGAR
PORQUE NÃO TENHO PRESSA





Escreva apenas para





Segue a vaquinha. Tenho que tentar chegar perto do necessário para atender a determinação judicial. 
Além de contribuir pelo https://www.vakinha.com.br/vaquinha/ajuda-ao-blog-do-previdi
aceito qualquer contribuição em uma das contas-poupança:

BRADESCO
José Luiz Gulart Prévidi cpf 238 550 700-59
agência 0939 3
conta poupança 1000049 1

BANRISUL
José Luiz Gulart Prévidi cpf 238 550 700-59
agência 0847
conta poupança:   39.081430.0-0
...
Se preferirem a opção de depositar em uma das contas, favor avisar pelo jlprevidi@gmail.com

...

O livro TODOS POR UM? COMO COMPRAR?
Basta entrar em contato, no Facebook, com Paulo Palombo Pruss. ou pelo editoraescuna@gmail.com ou paulopruss@hotmail.com





LEMBRETE:

EM 13 DE AGOSTO DE 2019, O BLOG DO PRÉVIDI COMPLETOU 16 ANOS DE EXISTÊNCIA ININTERRUPTA.
TE METE!!








QUEREM O FIM DO STF? SÓ DAR PAU
NO GILMAR E TOFFOLI NÃO ADIANTA




Leiam este pensamento do Dias Toffoli:

“O Brasil ficou travado em quatro anos num moralismo enfrentando questões de ordem e esquecendo o progresso. Você nunca vai ter progresso se tiver que ter ordem como uma premissa”.

Eu interpretei de uma maneira, mas não vem ao caso.
Leiam agora a interpretação do colunista da Crusué, Mario Sabino:

“A afirmação significaria, portanto, que barões ladrões que desafiam a ordem são toleráveis, assim como nos Estados Unidos do passado, visto que inevitáveis para impulsionar a economia neste ponto da nossa infância histórica. Ou seja, só daqui a 150 anos não seria moralismo pôr na cadeia os ladrões poderosos que criam departamentos de operações estruturadas, para meter a mão no dinheiro público e comprar facilidades nos poderes constituídos. No futuro, com uma nação plenamente desenvolvida, os barões ladrões, que tanto ajudaram a destravar o caminho, não seriam mais necessários. Se a minha interpretação é correta, Toffoli tem uma visão evolucionista do processo histórico, que iria adiante por meio de fases e mutações sempre positivas. É uma espécie de Giambattista Vico em ondas tropicais.”

...
Se é certa esta interpretação, fecha com que sempre eascuto de petistas, de que a Lava Jato ajudou a quebrar o Brasil, especialmente porque quebrou as grandes construtoras.
O raciocínio é simples.
Poderia falar assim: Deixa roubar, desde que o país cresça. Depois a gente vê o que faz com a corrupção. Jamais se roubou tanto quanto nos dois governos do Lula. E o Brasil cresceu e o povo estava feliz, consumindo.
...

Claro que eu gostaria de ver três ou quatro sujeitos do STF na cadeia, mas não é assim tão simples.
Gostaria que eles parassem de dar opinião sobre tudo e só cumprissem o que determina a Constituição. Mas acontece que a grande imprensa está sempre atrás desses 11 luminares, querendo saber a opinião deles sobre tudo. E os parlamentares, por umm pum solto no plenário, entram no supremo com um recurso.
São 11 deuses.
...

Pediria que todos assistissem o vídeo abaixo.
São argumentos irrefutáveis para TERMINAR COM O STF.
Só três minutinhos e uma enxurrada de informações sobre a "corte":





-


NOVO BOM DIA RIO GRANDE - Algumas pessoas que assistiram a atração da RBS TV não gostaram do que viram hoje.
Calma, o pessoal ainda está frio.
...
Estou curioso para ver o novo Jornal do Almoço.
Posso estar enganado, mas "mais interatividade" é apenas o "uso" das informações, boas ou não, dos telespectadores.
Outra:
"Mais repórteres por todo Estado": HAHAHAHAHA!!!! Tem UM jornalista em cada cidade, que faz tudo. At´[e dirige. Fala e grava.
Amanhã conto mais.


-


CONVERSA MOLE ANTIGA - Desde que me conheço por gente que ouço falar do interesse de norte-americanos e europeus pela Amazônia. Tinha até um papo que os milhares de hectares de vegetação e rios eram o "pulmão do mundo" - nessa época se falava "mundo" mesmo e não "planeta".
Lembro que chegaram a falar em países do primeiro mundo se juntarem para zelar pela preservação, como um exército multinacional, que tornaria toda a região um "domínio mundial". Bah, a milicada, que mandava no Brasil, ficou furiosa e aí surgiu o projeto da Transamazônica.  Os gringos sempre tiveram com um pé na Amazônia, com várias desculpas. A mais comum era para ajudar as tribos indígenas.
Tudo cascata.
Há décadas eles sabem da riqueza, incomensurável, da |Amazônia. E com o avanço da ciência e tecnologia, a cada dia eles sabem mais o que estão perdendo.
...
Portanto, a ilustração abaixo não [é nada absurda e pose, sim, ser verdadeira.
Europeus preocupados com o desmatamento? Conversa de Cantinflas!!




...

A dependência de nióbio é causa de preocupação em Washington e as denúncias do Wikileaks.
Brasil é responsável por 87% das importações americanas do minério – usado até mesmo em projetos espaciais
A grande dependência do nióbio brasileiro deve explicar, segundo especialistas, a preocupação do governo dos Estados Unidos com relação à segurança das minas do País. O Brasil detém 98% das reservas e 91% da produção mundial do minério, usado para a fabricação de aços especiais. Os Estados Unidos não produzem o minério.


-


REFLEXÃO COM DOR


Antes de reclamar da vida,  pense nos venezuelanos que fugiram para Argentina!


-


QUE DÚVIDA!! - Leio no Jornal JÁhttps://www.jornalja.com.br/:

Em sessão pública que lotou o Salão de Atos da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Ufrgs), o programa Future-se, lançado pelo governo federal foi rejeitado por unanimidade. O projeto, que ainda não foi enviado ao Congresso Nacional, prevê mudanças nas regras sobre financiamento das Instituições Federais de Ensino Superior do País. Uma das alterações flexibiliza a gestão das instituições, abrindo espaço para contratos com organizações sociais, além de aplicação de indicadores de desempenho, com foco em produtividade de pesquisa e ensino.


-


GRANDE FOTO - Não sei onde é e nem imagino quem seja o autor. Coisas de Facebook. Se alguém tiver alguma informação, por favor, me passe:





-



QUE FILHO DE UMA... - Olha este post do Rodrigo Maia, o chefe da bandidagem:

Com a aprovação do projeto de lei contra o abuso de autoridade, nós visamos acabar com a perseguição política de certos procuradores e juízes contra a classe política. Não iremos nos calar frente aos desmandos de uma operação que visa criminalizar toda a classe política.


-


NANI ERA DE O PASQUIM. GENIAL!!




-


É UM INFERNO - Bagaceirada, mais uma vez, fechou a rua José do Patrocínio, no sábado para domingo Não passava carro. Grande Brigada Militar chegou largando gás lacrimogênio e terminou com a maloqueiragem.


-


CÁ ENTRE NÓS, BIBO NUNES - É piadinha sem graça a candidatura de Ruy Irigaray (???), deputado estadual do PSL, a prefeito de Porto Alegre.
Claro, esta figura é aquele secretário de Estado que pediu licença, por um dia, para voltar à Assembleia. Aí apresentou uns projetos malucos, que virou deboche.
...
Esse PSL está igualzinho ao PRN do Collor...


-


NÃO É PIADINHA



-


PIADINHA

Rapidinha

O médico:
- O seu marido precisa de paz, descanso, total relaxamento. Por isso, estou receitando estes comprimidos,para dormir 12 horas seguidas.
A esposa:
- Certo, mas como administro o medicamento para ele?
Irritado:
- Não, minha senhora!! Os comprimidos são para a senhora!!


Sexta, 16 de agosto de 2019




Jamais troquei de lado.
Por quê? Eu não tenho lado.
Ou melhor, o meu lado sou eu
...
ANDO DEVAGAR
PORQUE NÃO TENHO PRESSA





Escreva apenas para





Segue a vaquinha. Tenho que tentar chegar perto do necessário para atender a determinação judicial. 
Além de contribuir pelo https://www.vakinha.com.br/vaquinha/ajuda-ao-blog-do-previdi
aceito qualquer contribuição em uma das contas-poupança:

BRADESCO
José Luiz Gulart Prévidi cpf 238 550 700-59
agência 0939 3
conta poupança 1000049 1

BANRISUL
José Luiz Gulart Prévidi cpf 238 550 700-59
agência 0847
conta poupança:   39.081430.0-0
...
Se preferirem a opção de depositar em uma das contas, favor avisar pelo jlprevidi@gmail.com

...

O livro TODOS POR UM? COMO COMPRAR?
Basta entrar em contato, no Facebook, com Paulo Palombo Pruss. ou pelo editoraescuna@gmail.com ou paulopruss@hotmail.com






LEMBRETE:

EM 13 DE AGOSTO DE 2019, O BLOG DO PRÉVIDI COMPLETOU 16 ANOS DE EXISTÊNCIA ININTERRUPTA.
TE METE!!











especial

Nesta sexta, uma cesta
de Leo Iolovitch e Ricardo Azeredo!




LEO IOLOVITCH








50 ANOS DE WOODSTOCK



O sonho acabou. Tanto o de Lennon, como do garçom do Café Elite em Santo Antônio da Patrulha.
Só permanece intensa a "Patrulha Ideológica", ironizada no texto que publiquei em 2002 na ZH, mostrando que o ódio nas opiniões não é fenômeno atual, mas remonta a aquela época.

“Li em algum lugar que, houve protestos irados pelo uso da imagem do Che Guevara no biquini da top model Gisele Bunchen em recente desfile em São Paulo.
A foto clássica do Che hoje é um ícone, uma marca, quase um “Nike” de uma rebeldia nostálgica.
Hoje vivemos em democracias e a mais duradoura ditadura é aquela que ele ajudou a criar em Cuba.
O glamour da guerrilha acabou, assim como o sonho do John Lennon e o do garçom do Café Elite em Santo Antônio da Patrulha.
Sem o sonho imaginário ou com recheio de creme, o que falta para essa gente é um mínimo de humor, a capacidade de sorrir e viver fora do fundamentalismo carrancudo.
O mal do pensamento único é terrível, leva à desonestidade intelectual e o efeito é contagioso.
Os outrora excelentes autores de textos de humor, após a adesão ao pensamento unitário, não se permitem mencionar os companheiros partidários instalados no poder, e, assim, perderam a graça; seus textos hoje são uma espécie de humor chapa branca e fariam melhor figura se publicados no Diário Oficial.
É triste isso, não gostaria que fosse assim, mas é o que se vê e o que se lê. Fico com pena.
Por isso, o protesto pela estampa do biquíni da Gisele não surpreende, é coerente com esse ranço, que lembra a condenação imposta por outros xiitas, contra o escritor Salman Rushdie que blasfemou contra o Corão.
A bela cara do Che na foto célebre é patrimônio da humanidade, gostem ou não os neo-trotskistas, já é um produto globalizado, assim como a lata de sopa Campbell’s e a Marilyn Monroe coloridos por Warhol.
A crítica ao uso da imagem revela o traço autoritário dos fundamentalistas, que estão em permanente vigilância nesta ensandecida cruzada do mau humor, que exercem com ferocidade.
Já que antes falei em Santo Antônio, acho que eles todos são fervorosos devotos deste novo padroeiro, o Santo Antônio da Patrulha IDEOLÓGICA, em cujo nome vão sufocando e matando as idéias novas ou diferentes do oficialismo; é possível identificar as caligrafias já gastas do contumazes signatários de notas de apoio de sedizentes “intelectuais”, fiéis devotos do santo patrulhamento.
Para não dizer que não falei de flores ou que me deixei tomar pelo tempero deste vinagre, encerro sugerindo a eles, para que prestem mais atenção na graciosa e empinada bundinha da Gisele, que está muito mais interessante que a estampa do biquíni. E mais, eles que se preparem, pois se a moda do Che realmente pegar, ainda veremos a foto clássica em sunga masculina ou então em comercial de Viagra, acompanhada da frase famosa:
“Hay que endurecer, pero sin perder la ternura.”

+++++
Artigo publicado no Jornal Zero Hora em 2002


-


RICARDO AZEREDO










A CAMISINHA DIET DO FESTIVAL DE GRAMADO




Uma das coisas mais bacanas para quem trabalha nas coberturas do Festival de Cinema de Gramado é o contato direto com grandes artistas do cinema e da TV.

Muitas vezes esta relação vai além das entrevistas.

O festival, como todo mundo sabe, é festa e mais festa, onde todo mundo se encontra e se diverte junto. E muitas amizades surgem neste ambiente.

No Festival de 1995, fiquei amigo de vários atores e atrizes, após tê-los entrevistado ou simplesmente cruzado com eles em algumas das concorridas festanças após as exibições dos filmes no Palácio dos Festivais.

As atrizes Bete Mendes e Maria Zilda Bethlen eram parceironas nas rodas de samba do Hotel Serrano. Mas foi com o ator Norton Nascimento que eu, o repórter cinematográfico Jose Henrique Castro e o motorista Carlos “Chitão” Renaux mais nos divertimos.

Era um baita negão, pura simpatia e simplicidade. Estava no auge da carreira e fazia muito sucesso nas novelas da Globo na época. Teve uma trajetória brilhante até descobrir anos depois uma doença cardíaca. Passou por um transplante de coração mas acabou morrendo em 2007 aos 45 anos.

Estávamos todos hospedados no Hotel Bella Vista. Uma noite nos encontramos no saguão para zarpar rumo a mais uma festa. Chegou anunciando que teríamos parceria:

- Olha aí rapaziada, hoje o Paulo vai com a gente, ele tá todo animadão!

Ele se referia ao ator Paulo Cezar Grande, outro galã da Globo.

Enquanto esperávamos o novo parceiro, um grupo de senhoras que chegou numa excursão percebeu a presença do Norton e logo o cercou.

Algumas eram bem velhinhas, mas não perderam a oportunidade de sapecar beijocas no ator que, muito solícito e sorridente, procurava responder aos abraços festivos daquela turminha barulhenta.

As velhinhas estavam completamente deslumbradas. Algumas pareciam não acreditar que estavam agarradas no galã, tirando fotos e mais fotos.

Eis que da larga escada que descia ao saguão vem um vozeirão:

- Oláááá todo mundo, cheguei!!!

Era o Paulo Cezar Grande, que descia cada degrau num largo e teatral gesto com os braços.

Norton delicadamente se desvencilhou das velhinhas que o abraçavam, pousou a mão no meu ombro e nela apoiou sua testa, prevendo confusão:

- Ihh, Azeredo, agora fudeu!

Quando as velhinhas viram outro galã de novela bem ao alcance delas, dispararam um coro de gritinhos extasiados e correram em direção a ele.

Norton me olhava e balançava a cabeça em silêncio como quem diz “Lá vem merda...”

Paulo Cezar esperou as senhorinhas se agruparem junto a ele, e com os braços sobre os ombros de duas delas, fez uma sonora saudação.

- E aííí meninas, tudo bem com vocês??

Algumas pareciam que iam desmaiar de emoção. Responderam num coro tão confuso que não deu pra entender nada.

Com um sorrisão de pura safadeza, ainda abraçando as duas velhinhas, ele continuou a sua performance:

- Meninas, meninas, escutem só!

Todas se calaram instantaneamente e ficaram esperando a fala do galã, embevecidas.

- Vocês sabiam que acabaram de inventar a camisinha diet?

Ao ouvir a palavra “camisinha” as velhinhas começaram a murchar. A algazarra foi sumindo, dando lugar a sorrisinhos amarelos e olhares receosos.

- Então meninas, sabem pra que serve a camisinha diet?

Elas estavam mudas, trocando olhares assustados.

- Ora, pra que! Serve pra comer cú doce!! Hahahahahahahahahahahaha!!!!

A gargalhada pândega do ator ecoou pelo saguão. Norton olhou pra mim:

- Não te falei?

As velhinhas voltaram correndo atarantadas para o seu ônibus, sem olhar pra trás.

Paulo Cezar Grande então se voltou para nós, ainda rindo muito depois daquela crueldade.

- E aeee, vamulá? Onde é a festa??

(publicado no ricardoazeredo.com.br)


Quinta, 15 de agosto de 2019




Jamais troquei de lado.
Por quê? Eu não tenho lado.
Ou melhor, o meu lado sou eu
...
ANDO DEVAGAR
PORQUE NÃO TENHO PRESSA





Escreva apenas para





Segue a vaquinha. Tenho que tentar chegar perto do necessário para atender a determinação judicial. 
Além de contribuir pelo https://www.vakinha.com.br/vaquinha/ajuda-ao-blog-do-previdi
aceito qualquer contribuição em uma das contas-poupança:

BRADESCO
José Luiz Gulart Prévidi cpf 238 550 700-59
agência 0939 3
conta poupança 1000049 1

BANRISUL
José Luiz Gulart Prévidi cpf 238 550 700-59
agência 0847
conta poupança:   39.081430.0-0
...
Se preferirem a opção de depositar em uma das contas, favor avisar pelo jlprevidi@gmail.com

...

O livro TODOS POR UM? COMO COMPRAR?
Basta entrar em contato, no Facebook, com Paulo Palombo Pruss. ou pelo editoraescuna@gmail.com ou paulopruss@hotmail.com





LEMBRETE:

EM 13 DE AGOSTO DE 2019, O BLOG DO PRÉVIDI COMPLETOU 16 ANOS DE EXISTÊNCIA ININTERRUPTA.
TE METE!!








HOMER SIMPSON FALOU BOBAGENS.
LUÍS GRISÓLIO MOSTROU A FERIDA





Espero que tenham lido ontem, neste espaço, um amontoado de abobrinhas de um diretor da RBS, sobre a Medida Provisória do presidente Messias, que termina com a obrigação de empresas publicarem seus balanços em jornais de grande circulação, podendo revelar os resultados no próprio portal do Diário Oficial ou no da Comissão de Valores Mobiliários.
Não leram? Está aqui.
...
Pois bem, ontem conversei com o diretor comercial da Rádio Guaíba, Luís Grisólio.
Ele não tem cargo "relevante" em entidades, mas conhece o mercado como poucos
Primeiro, ele fez questão de deixar bem claro um detalhe esquecido pelo sr. Simpson:
- Dono de jornal não vai perder nada com esta MP. Ele vai manter o seu padrão. Sabe quem vai perder? O pessoal do Comercial que trabalha junto às empresas para buscar os balanços para publicação. Esses, sim, não vão conseguir segurar seus empregos.
...
Na verdade, a publicação dos balanços de grandes empresas virou um jogo entre os jornais diários.
Em Porto Alegre é assim: Zero Hora e Correio do Povo mostram números parecidos de circulação do impresso. Por isso, os valores cobrados para publicação de balanços se equiparam. O Jornal do Comércio tem tiragem menor e, claro, tem um custo mais baixo.
Aí as empresas optam por um dos grandes - o ZH sempre sai com vantagem - e pelo JC.
Mas, por que optam pelo jornal da RBS se a circulação é semelhante?
Não consegui saber - quem sabe, entra aí o famigerado BV - bônus de veiculação.
Faço um parêntesis para publicar  trecho de matéria do "Meio e Mensagem". O incrível é que o texto foi publicado em 29 de abril de 2015!

Uma prática obscura do mercado publicitário brasileiro, conhecida como “BV de produção”, colocou agências e produtoras na mira da operação Lava Jato e ajudou a deflagrar o maior escândalo de corrupção envolvendo a publicidade desde o caso do mensalão.
O apelido é uma referência à bonificação sobre volume, hoje tratada como plano de incentivo, legalmente paga pelos veículos às agências. Entretanto, as práticas são diferentes. Além de não ser legal, o “BV de produção” é uma comissão caso a caso, não havendo benefício por volume contratado.
As agências encontraram nessa fonte de receita uma forma de compensar a recusa das mesas de compra dos clientes em pagar à agência um fee de 15% sobre o valor dos serviços contratados com a produtora, prática esta prevista pelas normas-padrão do Cenp. Os custos, então, são repassados à produtora, que retorna uma comissão para a agência.
(...)
Entidades do mercado querem aproveitar a indignação em relação aos fatos revelados pela Lava Jato para discutir o assunto. “Essa prática ocorre, mas não é aceita pela Abap e demais entidades representativas. O que parece acontecer nesses casos é que o cliente pressiona a agência para não pagar e isso faz nascer uma relação paralela, que não aprovamos, de cobrar da produtora o que se devia cobrar do cliente”, avalia Orlando Marques, presidente da Associação Brasileira das Agências de Publicidade (Abap). “As normas estão aí para serem cumpridas e não existe nenhuma regulamentação para cobrança de BV sobre o serviço da produtora. Se o cliente não está pagando a agência pela produção, não está cumprindo as práticas do mercado. Mas isso não se justifica que se cobre do fornecedor”, completa Marques.
A prática é tão disseminada no mercado que existem até algumas histórias curiosas. “Tem agência fora do eixo São Paulo-Rio que chegou a nos consultar sobre como protestar o fornecedor quando ele não paga o ‘BV de produção’, algo que ela considera legítimo”, afirma Paulo Gomes, advogado da Abap.

Tudo conversa mole, porque o BV continua mandando no mercado!!
...
Voltando ao Grisólio.
A não publicação dos balanços pelos jornais vai acarretar uma queda no faturamento, mas nada poderá ser pior do que uma ameaça que circula pelo mercado: O FIM DAS PUBLICAÇÕES LEGAIS.
- Aí, sim, vai ser um horror! O pessoal dos departamentos comerciais vai sofrer uma redução drástica. Não imagino em quanto, mas aí vai afetar todo o negócio.
Para quem tem alguma dúvida, chamam-se "publicações legais", os editais dos Poderes e das prefeituras, avisos, tudo, até aqueles comunicados de perda de notas fiscais. E já falam que o Governo federal quer terminar com todas estas publicações obrigatórias.
...
Aí é palpite meu: Já imaginou? Os jornalões sem as publicações obrigatórias e sem propaganda do Governo federal? É o fim.
Na real, a maioria dos jornalões não se preparou para um momento desses, porque jamais iriam imaginar a perda de "poder".
Afinal, eles sempre contaram com a boa vontade de TODOS os governos...

...

O DEPOIMENTO DO JOÃO INÁCIO É FUNDAMENTAL PARA ENTENDER A ENCRENCA DAS PUBLICAÇÕES LEGAIS

Tive o desprazer de trabalhar em várias esferas governamentais e, numa certa prefeitura gaúcha, eu era o responsável pelas publicações legais. Não raro, cerca de 60% do orçamento da secretaria de Comunicação era jogado no lixo com editais. As pessoas de fora simplesmente não fazem ideia da fortuna que é um espacinho de 2x10 num jornal. É um absurdo. Mas já foi pior.
A extinta Corag tinha uma centimetragem mais cara do que qualquer jornal comercial (mais que a ZH, e vcs sabem as pessoas morriam de vontade de ler o Diário oficial do estado, né?). Além de ser arcaico e um desperdício de dinheiro público, esse negócio de publicar editais em papel é algo que foge à lógica.
Empresas que tradicionalmente atuam como fornecedoras para o setor público possuem departamentos em que funcionários passam o dia na Internet escarafunchando a publicação de licitações e editais. No passado recente, esses coitados ficavam com pilhas de jornais do país inteiro fazendo a mesma coisa.
Então, não há o menor risco de alguma publicação oficial passar em branco.
Quanto à história estranha da prefeitura de Fortaleza "floodar" as páginas de ZH com editais, se não me falha a memória, a lei até então em vigor diz que editais simples deveriam ser publicados em jornais LOCAIS "de grande circulação". Em alguns casos, principalmente em licitações de grande porte, a lei dizia que, além de jornais locais, os editais devem ser publicados em jornal de "grande expressão regional". Sendo Fortaleza a capital, isso continua se aplicando aos jornais locais. Em casos muito específicos (por exemplo, uma licitação de alguma obra que será financiada por um órgão de fomento nacional (BRDE, BNDES, por exemplo) ou internacional (BID, fundos internacionais, etc), o próprio órgão pode exigir publicação em jornal de alcance nacional (uma Folha, Estadão da vida) e, mesmo internacional (o que é raro).
Então, qual é o caminho para sabermos se essas publicações estão nos conformes? É preciso analisar edital por edital da prefeitura de Fortaleza. Se for coisa simples (decretos, leis municipais, etc) já temos um problema, pois o local correto seria um jornal de Fortaleza (e, para isso, alguém deveria pegar um pilha de jornais de lá e ver se foram publicados. Caso contrário (se a publicação ocorreu apenas em Porto Alegre) já tem um problema aí.
Editais mais complexos (uma licitação de grande porte, por exemplo) tem que ser publicada em Fortaleza e num jornal de alcance nacional (Folha, estado de São Paulo, Globo). ZH? Para mim, é um jornal regional e, não nacional. Mas, esse é um critério subjetivo e pelo que lembro da lei, era bem vaga nesse sentido pois não definia o que era "expressão nacional". Então, é preciso descobrir se tais editais foram publicados em Fortaleza, São Paulo ou Rio.
Até pode ser TAMBÉM na ZH, mas desde que esses outros veículos citados tenham sido contemplados. Só no jornal gaúcho é indício de algo estranho. Normalmente, TCEs e TCU costumam apontar essas incongruências (vi isso acontecer inúmeras vezes na dita prefeitura por editais publicados na Folha e mesmo na ZH sem a devida necessidade), mas, normalmente, isso acaba sendo descoberto muito tempo depois. Infelizmente.
Como se vê, se você não tiver um bom contato em Fortaleza fica difícil acharmos o fio da meada dessa história, mas, como eu disse, se boa parte dos editais cearences publicados em POA for de editais simples há fortes indícios de algo estranho. É algo que o Ministério Público poderia se debruçar, caso seja instado a isso.
Pessoas físicas como nós dificilmente iremos muito longe nessa história estranha.


-


A LOUCA - Abriram processo, na Comissão de Ética da Câmara federal, para analisar o comportamento da deputada Maria do Rosário.
Ela debocha, dizendo que ninguém acredita em cassação do seu mandato.
...
Mas vejam este vídeo e analisem se ela pode bailar:




-


ASSISTA AO PROGRAMA DO EVANDRO





-


FILIPE EM SÃO PAULO - O repórter Filipe Peixoto conta:


Com muita alegria e entusiasmo, assumi hoje uma vaga definitiva de repórter na Band em São Paulo, após 10 anos e meio na Band em Porto Alegre. O convite chegou logo após eu ter encerrado a temporada de quatro meses na capital paulista, em substituição temporária. Nesse período, conheci pessoas incríveis, que conquistaram minha admiração e com as quais poderei trabalhar lado a lado.

Sei que o convite é consequência do meu trabalho, mas não só dele. É também reflexo dos colegas - produtores, cinegrafistas, editores, motoristas, técnicos e tantos outros - que partilharam comigo seus talentos. Também é resultado das oportunidades que recebi dos gestores, que confiaram na minha capacidade e me abriram espaço para crescer. Por isso, nestes últimos dias, liguei para cada um dos gestores que tive desde entrei na Band e agradeci por tudo que fizeram por mim.

Mudo-me para São Paulo com uma sensação de missão cumprida na minha terra, mas ciente da responsabilidade que assumo ao me integrar a uma redação que é referência no jornalismo brasileiro. Com o espírito aguerrido do gaúcho, nascido e criado no pampa, me instalo em solo paulistano levando todos os valores que cultivei, e profundamente grato pela família e pelos amigos que tenho. Meu vínculo com o Rio Grande do Sul é permanente, inquebrantável, porque sou como as plantas: fortaleço-me pelas raízes.

E um último recado: sigo na reportagem do Jornal da Band, por isso te espero lá, a partir de 19:20h. Adelante!!


-


NÃO TIVE SACO DE OUVIR - A tal gravação de dois funcionários da Rádio Atlântida. Não tenho paciência para ouvir 15 minutos de conversa fiada, mesmo que estejam falando mal do "tiozão metido a guri".


-


DOIS PESOS, DUA MEDIDAS, NÉ RBS? - Fez bem a direção da RBS em não se meter em fofoquinhas de funcionários. Conversa mole de gente que deveria brigar para botar o tiozão em seu lugar. Mas não tenho nada que ver com isso.
Aí lembrei da demissão do Wianey Carlet, já falecido. Até as portas da Rádio Gaúcha sabiam que fizeram uma armação para ele falar verdades sobre o Paulo Sant'Ana, enquanto a emissora estava no ar. Nesse episódio, foram rápidos em demitir o WC.


-


SOBRE O APLICATIVO ZH 12 DE AGOSTO




Recebi um grande número de mensagens sobre o "viola" grifado acima.
Tem chato que quer encontrar erro onde os meus colaboradores acham erro. Entendeu?
O meu amigo Ruy Gessinger me mandou um Watts explicando que a viola é um violino um pouco maior, ressaltando que no Brasil viola não deixa de ser um violão.
A Vera Peres enviou:
Apesar da enorme quantidade de erros encontrados diariamente na mídia, esta informação está correta, é uma viola de arco. A viola de arcon é um instrumento um pouco maior que o violino, e também é tocada sendo apoiada no ombro, utilizando um arco. Temos ainda a viola da gamba, uma viola que se toca com arco, apoiada na perna (gamba, em italiano), o violoncelo (ou cello) e, por fim, o contrabaixo.
...
Foram tantas mensagens que fui ver a matéria que saiu no Zero Hora.
Leiam o primeiro parágrafo:

As ondas do calçadão da Rua da Praia parecem formar uma escala de notas musicais que ressoam até encontrar o violino. As mãos de Salatiel Pereira, 18 anos, empunham o instrumento e quebram o silêncio do início da manhã na Praça da Alfândega, no centro de Porto Alegre.   

Mais adiante:

— Eu estava chegando em casa, e um carro parou do lado. Os caras desceram e levaram a minha viola — diz sobre o instrumento roubado poucas horas depois de ser comprado em cinco parcelas.
Após saber da história pela RBS TV, a Brigada Militar fez buscas e recuperou a viola de arco.
...
Violino ou viola?
Só quem pode dizer é o autor da matéria, Tiago Boff, ou o próprio Salatiel.

E CHEGA!! JÁ COLOQUEI A VIOLA NO SACO!!


-




PRESS SAÚDE NAS BANCAS - Começou a circular nesta semana a PRESS SAÚDE, revista da Athos Editora totalmente dedicada aos temas ligados à medicina e à saúde. A publicação faz parte do projeto da editora de lançamento de edições especiais buscando alcançar públicos e segmentos específicos, que iniciou em maio com a PRESS Porto Alegre.
Entre os temas tratados nesta edição estão o esforço para transformar Porto Alegre um hub médico nacional e internacional, atraindo para a cidade o chamado “turismo de saúde”. Outras pautas são os investimentos e ampliações realizados pelos hospitais da Capital gaúcha; as condições da saúde pública no Rio Grande do Sul; os desafios do ensino da Medicina e a polêmica criação de novas faculdades da área; o crescimento das health techs e startups voltadas para  mercado da saúde; os 20 anos da Lei dos Genéricos; as novidades em medicamentos que estão chegando às farmácias; e a situação do setor de odontologia no Estado.
...
A revista traz, também, uma entrevista especial com o diretor do Centro de Transplantes da Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre, José de Jesus Peixoto Camargo. O doutor J.J. Camargo, como é conhecido, lembra os 30 anos do primeiro transplante de pulmão da América Latina, realizado por ele na Santa Casa. Além disso, a edição conta curiosidades sobre da história da Medicina no Estado e no Brasil.
...
Tudo isso e todas as demais matérias desta edição especial da PRESS SAÚDE podeser conferido, gratuitamente, no portal www.revistapress.com.br


-




TUDO NORMAL: RESPEITO - Nova novela das 7 da Globo tem um adolescente trans. Não me peçam detalhes.
...
Aos 21 anos, Gabrielle Joie estreia nas novelas como uma adolescente de 15 anos que está fazendo a transição de gênero em Bom Sucesso. A atriz sabe muito bem o que é isso porque está há cinco anos nesse processo. Transexual, ela não revela seu nome de batismo, mas conta que não fez a cirurgia de redesignação sexual nem pretende fazer. "É parte do meu corpo, e isso não me faz menos mulher. Não vejo como algo masculino. Eu me sinto uma mulher! Eu sou uma mulher transexual. Até o silicone eu reluto para colocar", conta a estreante.


-



NÃO É PIADINHA

É o fim!

O relato é de Beatriz Bea em sua página do Facebook:

Nesta semana, eu descia a Barão do Amazonas a pé ao meio-dia, e bem próximo de mim um cara parou a moto na frente de uma loja, vem um sujeito correndo saca uma pistola e leva a moto do cara, tudo numa fração de segundos ... Pelo menos umas cinco pessoas que passavam pelo local no momento viram, mas todos fazem de conta que não viram nada, assim como eu, e o cara ficou lá parado, perdido esperando a chegada da polícia que foi acionada pelo pessoal da loja. Tornou-se tão corriqueiro este tipo de situação que infelizmente a gente tem que se dar por contente quando o prejuízo é apenas material. Estamos no fim dos tempos e numa situação de salve-se quem puder.



-


PIADINHA

Direto de São Borja, o cavalo marinho do Paulo Motta.
"Chove muito por lá", explica ele.



Quarta, 14 de agosto de 2019




Jamais troquei de lado.
Por quê? Eu não tenho lado.
Ou melhor, o meu lado sou eu
...
ANDO DEVAGAR
PORQUE NÃO TENHO PRESSA





Escreva apenas para





Segue a vaquinha. Tenho que tentar chegar perto do necessário para atender a determinação judicial. 
Além de contribuir pelo https://www.vakinha.com.br/vaquinha/ajuda-ao-blog-do-previdi
aceito qualquer contribuição em uma das contas-poupança:

BRADESCO
José Luiz Gulart Prévidi cpf 238 550 700-59
agência 0939 3
conta poupança 1000049 1

BANRISUL
José Luiz Gulart Prévidi cpf 238 550 700-59
agência 0847
conta poupança:   39.081430.0-0
...
Se preferirem a opção de depositar em uma das contas, favor avisar pelo jlprevidi@gmail.com

...

O livro TODOS POR UM? COMO COMPRAR?
Basta entrar em contato, no Facebook, com Paulo Palombo Pruss. ou pelo editoraescuna@gmail.com ou paulopruss@hotmail.com






LEMBRETE:

EM 13 DE AGOSTO DE 2019, O BLOG DO PRÉVIDI COMPLETOU 16 ANOS DE EXISTÊNCIA ININTERRUPTA.
TE METE!!








SERÁ QUE HOMER SIMPSON
TROCOU ALHOS COM BUGALHOS?




Donos de jornais diários impressos e seus executivos - vários são apenas comedores de sucrilhos com nescauzinho - estão apavorados com a Medida Provisória do presidente Messias, que termina com a obrigação de empresas publicarem seus balanços em jornais de grande circulação, podendo revelar os resultados no próprio portal do Diário Oficial ou no da Comissão de Valores Mobiliários.
A MP, para o público em geral, parece óbvia. Mas para os donos de diários significa um grande corte no faturamento.
Como não recebo o material de divulgação da RBS estava curioso para saber o pavor que bateu por lá - afinal, só o balanço da CEEE significava um bom aporte pro ZH.
Hoje, li na Coletiva o papo do Marcelo Rech, o nosso Homer Simpson, que é diretor do Zero Hora e presidente da Associação Nacional de Jornais.
...
Deve ser por causa do frio, porque Marcelo/Homer é um cara preparado, mas confundiu tudo, dançou na chuva sem guarda-chuva.
Selecionei algumas passagens - se eu fosse ele pediria para tirar a matéria do site.
Vejamos:
"Uma coisa é colocar o balanço em um veículo tradicional e outra é inserir essa informação financeira em um site que não será lido por ninguém. Em um momento em que as empresas falam em transparência e em dar luz às suas informações, isso seria um retrocesso"
O representante dos donos dos jornalões quer dizer que os leitores dos jornais são enlouquecidos para ler os balanços das empresas? Fazem filas nas bancas para comprar os jornais com balanços? Assinantes colecionam os balanços e depois trocam com amigos no Brique da Redenção?
Ora, Marcelo/Homer, ninguém lê esses balanços! Só quem entende, como os contadores.
Papo furado isso de retrrocesso!
Outra:
"...alteração da chamada Lei das S/As, que o Congresso já havia votado em abril. De acordo com o presidente da ANJ, tanto a Câmara quanto a própria associação e o governo federal haviam chegado a um consenso para conceder um prazo um pouco maior para que os jornais impressos deixassem de receber a publicação de balanços financeiros.
Para o jornalista, a entidade está há muito tempo discutindo a modernização da Lei das S/As e, em abril, foi aprovada uma mudança na legislação: a partir de janeiro de 2022, as empresas de capital aberto poderiam publicar apenas um resumo do seu balanço em um jornal que circula na mesma cidade-sede da companhia, deixando a íntegra das informações para os meios digitais. "Até lá, os veículos teriam um tempo para conseguir angariar outras fontes de receita que substituíssem a obtida com a publicidade legal. Houve uma concordância generalizada a respeito disso, em abril, e o próprio presidente assinou a Lei", argumentou Rech.
Nem preciso comentar, certo?
Ele sabia que a teta iria murchar, que não tinha mais sentido este tipo de publicação, tendo toda a facilidade da internet.
...
Claro que foi uma estocada cruel do presidente Messias.
Ora , a grande maioria dos jornalões tenta liquidar diariamente com o presidente e eles querem carinho e respeito? HAHAHAHAHAHA!!!!
...
O final da matéria da Coletiva é um pisão no pé dos jornalões:
A Associação Nacional de Jornais afirma que não é possível ter um dado concreto a respeito do quanto a receita com a publicidade legal impacta no faturamento dos jornais. Como cada veículo trabalha com uma tabela diferente de preços e esses custos variam muito de uma região a outra, não há como ter um quadro geral da representatividade desse faturamento. Segundo reportagem publicada na semana passada pelo portal Poder 360, a estimativa é de que essa Medida Provisória pode reduzir em até 40% o faturamento dos jornais.


-


SOBRE O ORÇAMENTO DA UFSM - Não adianta contestar. São dados oficiais da Reitoria:

Em 2018 o orçamento geral da Instituição foi de R$ 1,186 bilhão, mantendo a tendência de crescimento ano a ano – em 2008, por exemplo, o valor foi de R$ 492,33 milhões. Do total de R$ 1,186 bilhão, 84% foi para pessoal, 10% para custeio, 3% para investimentos e 3% para benefícios de pessoal.
...
O repasse de verbas para a Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) vem recebendo cortes nos últimos anos. Para 2019, a previsão de cerca de R$ 130 milhões para custeio e de R$ 12,9 milhões para investimentos e capital, que constam na Lei Orçamentária Anual (LOA), preocupa ainda mais a Reitoria, especialmente os valores para investimento, bem abaixo dos que foram aplicados no ano passado.


-


SOBRE O ORÇAMENTO DA PREFEITURA DE SANTA MARIA - Está no Zero Hora:

O orçamento da prefeitura de Santa Maria para 2018 será de R$ 700 milhões.


-


POR FAVOR - Ficaria muito satisfeito se contestassem esses números. Torço para que eu esteja errado.
Escreva para jlprevidi@gmail.com


-



VIROU CÂMARA DE VEREADORES?
É ASSUNTO PARA DEPUTADO ESTADUAL?

Audiências tratarão da situação do Mercado Público
de Porto Alegre e ponte do Ibicuí, em Itaqui


-


REFLEXÃO TELEVISIVA

Ótima a ideia da Caravana do JA, mas a repórter não precisa falar como se precisasse sair logo para ir ao banheiro...

Flávio Dutra, jornalista


-


REFLEXÃO RADIOFÔNICA

Pelos relatos que escuto parece que a Rádio Gaúcha mudou o nome pra Kelly Matos FM.


Marcelo Benvenutti 


-


BANRISUL FATURA ALTO - O Banrisul alcançou, no primeiro semestre, lucro líquido de R$ 655,3 milhões, evolução de 29,5% em relação ao mesmo período de 2018. O lucro líquido recorrente, ajustado pelos eventos extraordinários, totalizou R$ 625,6 milhões no primeiro semestre de 2019, crescimento de 23,7% frente ao registrado no mesmo período de 2018, com retorno recorrente anualizado de 17,6% sobre o patrimônio líquido médio.
De acordo com o presidente do Banrisul, Cláudio Coutinho, o resultado da instituição é excelente, até mesmo superior aos seus pares do mercado de varejo. “O Banco conteve as suas despesas administrativas, reduziu a inadimplência e manteve uma carteira de crédito sólida, garantida e diversificada”, frisou.
O executivo destacou que a Banrisul Cartões, empresa do Grupo Banrisul, continua tendo uma presença muito importante no Rio Grande do Sul, com um expressivo market share e está conseguindo navegar nesses mares bem competitivos que está se vivendo agora. “Temos convicção que vamos no futuro continuar entregando resultados satisfatórios na área de cartões”, ressaltou.
Já na área de seguros, Coutinho salientou que o Banrisul tem apresentado crescimento. “Acredito que temos ainda muito espaço para continuar o incremento da área de seguros”, assinalou.
...
O desempenho no primeiro semestre de 2019 reflete a estabilidade do resultado bruto da intermediação financeira e o aumento das receitas de tarifas bancárias e prestação de serviços.
O patrimônio líquido atingiu R$ 7,5 bilhões em junho de 2019, 6,9% ou R$ 487,5 milhões acima da posição de junho de 2018. Os ativos totais apresentaram saldo de R$ 79,4 bilhões em junho de 2019, com ampliação de 5,5% em relação a junho de 2018, proveniente do aumento nos depósitos e nos recursos em letras. Em junho de 2019, o total de recursos captados e administrados foi de R$ 69,4 bilhões, com expansão de 10,2% em 12 meses.
...
A carteira de crédito do Banrisul registrou saldo de R$ 34,2 bilhões em junho de 2019, crescimento de 7,0% ou R$ 2,2 bilhões nos 12 meses. O resultado é em decorrência, especialmente, da carteira comercial, que registrou saldo de R$ 25,6 bilhões, aumento de R$ 2,7 bilhões ou 11,8% em um ano.
O saldo da carteira de crédito rural atingiu R$ 2,3 bilhões em junho de 2019. No primeiro semestre do ano, foram contratadas 6.219 operações, com volume total de R$ 780,4 milhões. No último ano agrícola encerrado em 30 de junho de 2019, o Banrisul aplicou R$ 1,7 bilhão em financiamentos para o agronegócio gaúcho.
...
A rede de adquirência Vero registrou, no primeiro semestre de 2019, 161,3 milhões de transações de débito e crédito. Em volume financeiro, o valor transacionado totalizou R$ 14,2 bilhões, refletindo crescimento de 13,8% quando comparado ao primeiro semestre de 2018.
A Vero encerrou o mês de junho de 2019 com 96,3 mil unidades de equipamentos POS instalados e aptos a transacionar e 141,8 mil estabelecimentos credenciados ativos em 12 meses, 5,0% superior ao apurado no final de junho de 2018.
...
O Banrisul ingressou, em maio passado, no segmento de cartões de crédito sem anuidade com o lançamento do cartão Mastercard Libre que garante a isenção da anuidade mediante gasto mínimo mensal. Outra novidade do Banco nesse segmento é que, a partir de junho, todos os cartões de crédito emitidos pelo Banrisul passaram a contar com a tecnologia contactless que permite o pagamento por aproximação, o que torna a transação mais prática e ágil.
A instituição finalizou os primeiros seis meses de 2019 com uma base de 1,1 milhão de cartões de crédito, nas bandeiras Mastercard e Visa, 19,4% acima do registrado no mesmo período de 2018. Durante o primeiro semestre de 2019, foram realizadas 37,5 milhões de transações, o que possibilitou a movimentação financeira de R$ 3,1 bilhões. Estes números representam crescimento de 26,0% e 25,8%, respectivamente, em relação ao mesmo período do ano anterior.
...
O primeiro semestre foi marcado pelo lançamento do módulo de seguridade nos canais Mobile Banking e Internet Banking que permite aos clientes acesso direto às informações dos produtos de seguros, previdência e capitalização.
A arrecadação de prêmio de seguros, contribuições de previdência e títulos de capitalização, ao final do primeiro semestre de 2019, atingiu R$ 708,5 milhões, crescimento de 24,1% frente ao primeiro semestre de 2018. As operações ativas de seguridade alcançaram 2,4 milhões de contratos em junho de 2019, com incremento de 6,4% em relação a junho de 2018. As receitas totais alcançaram R$ 152,1 milhões no primeiro semestre de 2019, com evolução de 15,2% em comparação ao mesmo período de 2018.
...
Os canais digitais do Banrisul que, alinhados às tendências do mercado, buscam oferecer a melhor experiência ao cliente representam 53,7% do total de operações realizadas pela instituição nos seis primeiros meses de 2019.
No primeiro semestre de 2019, os canais de Internet Banking (Home e Office Banking) e Mobile Banking (Minha Conta, Afinidade e Office acessados por meio do aplicativo Banrisul Digital) tiveram 123,9 milhões de acessos, 34,4% superior ao mesmo período de 2018, o que equivale a uma média de 688,8 mil acessos diários.
O total de operações realizadas nesses canais apresentou incremento de 24,5% em relação ao primeiro semestre de 2018. Dentre essas, a quantidade de transações financeiras cresceu 26,9% e o volume transacionado aumentou 5,1%, se comparados ao mesmo período de 2018.
...
O processo de modernização tecnológica no Banrisul inclui a transformação digital, ampliação da infraestrutura de TI e o compromisso cada vez maior com a segurança da informação. O Banco não poupa esforços na identificação de melhorias e inovações por meio de investimentos em desenvolvimento de sistemas, contratação de serviços e manutenção de bens.
No primeiro semestre de 2019, o Banrisul investiu R$ 139,3 milhões em modernização tecnológica.


-


APLICATIVO ZH 12 DE AGOSTO





-



NÃO É PIADINHA

Isso é Brasil!



-


PIADINHA