Bom Dia!! Terça, 22 de outubro de 2013

GAUCHISMO OTÁRIO!!



Para quem não sabe, sou nascido no Rio de Janeiro mas moro há décadas em Porto Alegre, com passagens por outras cidades. Mas me considero porto-alegrense.
Isto não quer dizer que goste de todos os costumes. Não gosto de costela, aliás, de toda carne gorda, de chupar chimarrão, das roupas de gaúcho, de arroz carreteiro (charque), por aí.
Mas detesto mesmo essa bobagem do "orgulho de ser gaúcho". Bah, nada mais babaca.
Na real, apesar de tudo, tenho orgulho em ser brasileiro.
--
Quando digo que esse negócio do "orgulho de ser gaúcho" é a maior babaquice tem gente que me contesta.
Então, leia a coluna do Ygor Salles, a #hashtag, da Folha de S. Paulo de sábado passado:

Bairrismo de jornalista gaúcho vira piada na internet

A passagem da presidente Dilma Rousseff pelo Rio Grande do Sul, no final de semana passado, rendeu mais nas redes do que parecia.
Já noticiamos aqui mesmo a mistura de Dilma Bolada com Vanuza cantando o Hino Nacional que a presidente fez ao discursar improvisadamente sobre o Dia das Crianças, no sábado passado, em Porto Alegre.
A piada (involuntária, espero) da vez, porém, é de um dos jornalistas que entrevistaram Dilma um dia antes em Canoas, na região metropolitana de Porto Alegre.
Como todo bom gaúcho, o jornalista é bairrista. E deixou isso claro quando a presidente se referia à prisão da brasileira (e gaúcha) Ana Paula Maciel, bióloga e ativista do Greenpeace, na Rússia.
Confira o diálogo:
Dilma: Depois, é o seguinte, prenderam uma ativista do Greenpeace, que é brasileira, lá na Rússia…
Jornalista: Gaúcha.
Dilma: …eu tenho de interceder.  Ao mesmo… Eu, óbvio, que estou intercedendo, ela é…
Jornalista: Gaúcha.
Dilma: …cidadã brasileira.
Jornalista: Gaúcha.
Jornalista: A senhora manifestou, de… prontamente isso?
Dilma: Olha, nós manifestamos para eles e aguardamos uma resposta.
Jornalista: Foi isso…
Dilma: Óbvio que sim. Ela é uma cidadã brasileira e é minha obrigação.
Jornalista: Gaúcha.
[risos generalizados]
Dilma: Podia ser dos 27 da Federação.
Para quem quiser conferir, pode ouvir o áudio da entrevista no site da Presidência. O diálogo começa por volta do minuto 25 do arquivo.
A fama do bairrismo jornalístico gaúcho é famoso na internet. Gerou, inclusive, o site jornalístico-humorístico O Bairrista – mesmo não sendo dos Pampas, acompanho porque é muito divertido.
E, para concluir este post e provar que de vez em quando a realidade supera a ficção, mostro o Tumblr “sempre tem um gaúcho por aí”, que atesta a capacidade do jornalismo gaúcho de achar “conterrâneos” para dar um toque local a qualquer tipo de informação. Selecionei alguns posts para que vocês sintam o drama:




--
Notaram em que jornal saiu essas três bobagens?
--
Outra: Alguém sabe quem foi o "jornalista gaúcho" da entrevista com a dona Dilma?

3 comentários:

  1. Acho que foi teu amigão Felipe Vieira.

    ResponderExcluir
  2. Chamar o "orgulho de ser gaúcho" de babaquice soa a elogio!!

    ResponderExcluir